Medicamentos para HIV mostram promessa em tratar doença comum dos olhos

Image default
Oftalmologia

´risO epitélio pigmentar da retina (as bordas das células em vermelho) tratadas com medicamentos para HIV/AIDS são vistas em uma foto de um comunicado sem data, cortesia de Younghee Kim da Universidade do Kentucky.

 (Reuters) – Um grupo de medicamentos usados por três décadas por pessoas infectadas com o vírus que causa AIDS pode ser eficaz no tratamento da causa principal de cegueira entre os idosos.

Os medicamentos para HIV chamados inibidores de transcriptase reversa do nucleotídeo (NRTIs, em inglês), incluindo o AZT e outros três, bloquearam a degeneração macular relacionada à idade em ratos e funcionaram bem em experimentos envolvendo células da retina humana no laboratório, disseram os pesquisadores na terça-feira.

Em pessoas infectadas com HIV, os NRTIs bloqueiam uma enzima que o vírus usa para criar mais cópias de si mesmo. A nova pesquisa mostra que os medicamentos também bloqueiam a atividade de um caminho biológico responsável por ativar processos inflamatórios no corpo.

É aquela qualidade previamente não reconhecida que faz os NRTIs uma promessa no tratamento para degeneração macular bem como a doença de enxerto versus hospedeiro, uma doença mais rara que pode ocorrer depois de um transplante de medula óssea ou com células-tronco, dizem os pesquisadores.

O oftalmologista da Universidade do Kentucky, Dr. Jayakrishna Ambati, que liderou o estudo publicado no jornal Science, disse que a degeneração macular afeta aproximadamente 50 milhões de pessoas no mundo todo.

“Com o envelhecimento da população, projeta-se que afetará 200 milhões de pessoas por volta do ano de 2020. Portanto, é crítico que nós desenvolvamos tratamentos novos e melhorados para esta doença que está crescendo como uma epidemia”, disse Ambati.

A degeneração macular causa a morte das células na macula, uma parte do olho localizada próximo do centro da retina que permite a visão em agradáveis detalhes.

O doença crônica tem duas formas: “seca” e “molhada”. Existem vários tratamentos para a degeneração macular “molhada”, mas apenas por volta de um terço dos pacientes conseguem melhoriaUntersuchung bei Augenarzt mit Spaltlampes significativas na visão. Não há tratamentos aprovados para a forma “seca” que é muito mais comum, mas menos grave.

A tipo “molhada” ocorre quando vasos sangüíneos anormais crescem embaixo da macula e vazam sangue e fluído. A forma “seca” ocorre quando as células na macula quebram.

No novo estudo, os NRTIs bloquearam uma coleção poderosa de proteínas que podem matar as células na retina, preservando a visão nos ratos.

Os pesquisadores estão planejando testes clínicos para os meses seguintes e isto poderia ficar conhecido dentro de aproximadamente dois ou três anos se os medicamentos são eficazes no tratamento da degeneração macular em pessoas, disse Ambati.

Como estas drogas pouco dispendiosas já estão aprovadas pela Administração de Medicamentos e Alimentos dos EUA e tem um bom registro de segurança, eles poderiam ser rapidamente “repropositados” para tratar outras doenças, ele adicionou.

CRÉDITOS: REUTERS/YOUNGHEE KIM/UNIVERSIDADE DO KENTUCKY/COMUNICADO VIA REUTERS

 (Reportagem por Will Dunham; Edição por Frances Kerry)

Tradução para o Portugues:Rodrigo Sgobbi Pellegrini

Reedição e ilustração Cláudio Souza

Os textos abaixo podem te interessar!

Oi! Sua opinião sempre importa. tem algo a dizer? É aqui! Alguma dúvida? Podemos começar por aqui!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

A Automattic, o Wordpress e Soropositivo.Org, e eu, fazemos tudo a nosso alcance no que tange à sua privacidade. E estamos sempre aprimorando, melhorando, testando e implementando novas tecnologias de proteção de dados. Seus dados estão protegidos e, eu, Cláudio Souza, trabalho neste blog 18 horas or dia para, dentre tantas outras coisas, garantir a segurança de suas informações, posto que sei das implicações e complicações das publicações aqui passadas e trocadas Eu aceito A Política de Privacidade de Soropositivo.Org Conhecer Nossa Política de Privacidade

%d blogueiros gostam disto: