ESTAMOS PREPARADOS PARA ERRADICAR O HIV ?

Inicial / Postagens / ESTAMOS PREPARADOS PARA ERRADICAR O HIV ?
Postagens
, ESTAMOS PREPARADOS PARA ERRADICAR O HIV ?

Recentemente, o apoio a tratamentos profilático de pacientes com pre- exposição ao HIV (prEP) cresceu substancialmente.

As entidades CDC ( Centros de Controle e Prevenção de Doenças, do governo federal dos EUA) e WHO (Organização Mundial da Saúde- OMS) reforçam esse apoio, assim como o Governador do Estado de Nova Iorque – Cuomo, que recentemente anunciou um plano com várias frentes de ações para reduzir os índices de novas infecções em 75% para antes de 2020.

, ESTAMOS PREPARADOS PARA ERRADICAR O HIV ?  Contudo, o papel de contenção do prEP tem sido motivo de acalorados debates – quem deve conduzi-lo; quem deve financia-lo; e se funcionará ou não em determinado nível social da população. Seu custo anual é cerca de dez mil dólares para seguradoras de saúde, e isto requer adesões diárias a elas para um lucro máximo, e envolve testes periódicos para monitorar a situação dos pacientes com HIV.

Há também a preocupação sobre se a eficiência do prEP pode ser afetada por dois fenômenos de comportamento frequentemente observados na promoção de saúde: auto-seleção e compensação de riscos.

Auto-seleção é, neste caso, quando aqueles que correm mais riscos (baseado no comportamento) não compreendem, não aceitam e são menos propensos a procurar um medicamento. A auto-seleção é geralmente vista em programas de promoção de saúde-onde aqueles que precisam de uma intervenção são frequentemente os mais difíceis de alcançar- mas isso pode ser superado pela diminuição do estigma sobre o teste de HIV e seu tratamento, potencialmente através de incentivos financeiros para testes de HIV ou adesão a medicamentos.

A compensação de risco ocorre quando aqueles que aceitam tomar medidas preventivas acabam tendo comportamento mais perigoso devido uma , ESTAMOS PREPARADOS PARA ERRADICAR O HIV ? sensação de maior proteção. Embora a compensação de risco não tenha sido observada no estudo de referência do iprEX (iniciativa profilática de pré – exposição.

É a terceira fase de testes clínicos para determinar se a medicação retroviral tenofovir/emtricitabine disoproxil fumarate- comercialmente conhecida como Truvada, poderia de forma segura e eficiente prevenir a infecção de HIV por homens que se relacionam sexualmente com homens), ela é potencialmente perigosa.

Estudos paralelos podem ser delineados da experiência daqueles que estão tomando estatina (medicamento usado para combater um alto índice de colesterol ruim, bem como para a aterosclerose), continuam com uma dieta pior e ganham peso corporal.

Este artigo foi originalmente escrito por Mark J. Harris para o Vitality Institute, em agosto de 2014 e foi republicado aqui sob autorização.  A publicação original (em inglês) pode ser vista no blog do Vitality Institute pelo link:  http://thevitalityinstitute.org/are-we-prepared-to-eradicate-hiv/.  Para saber mais sobre o Vitality Institute acesse: http://thevitalityinstitute.org/blog/

Para ler mais textos de Mark, acesse: http://markmdmph.wordpress.com/.

Tradução: Márcio Catanho – Bacharel em Letras/ tradutor e revisor.

Contatos: mrcatanho@hotmail.com. 085- 88797627.

[slideshare id=16590682&doc=virologia-supersupermed-130217191759-phpapp02]

Publicações Relacionadas

Relatório Global Vigésima Segunda Avalição Externa da Qualidade Testes de Carga Viral do HIV

Cláudio Souza

O homem que começou a PrEP 5 Dias após infecção aparece livre do HIV menos de um mês depois

Cláudio Souza

Soropositivos em idade avançada sofrem com morbidades Diversas

Cláudio Souza

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Soropositivo.Org, Wordpress.com e Automattic fazem tudo a nosso alcance no que tange à sua privacidade. Você pode saber mais sobre esta política neste link Eu aceito A Política de Privacidade de Soropositivo.Org Ler Tudo em Política de Privacidade

Olá! Sou o Beto Volpe! Quer Conversar? Diga olá! Mas tenha em mente que eu trabalho aqui entre 9:00 da manhã e 20 horas.