Mulheres negras e afro-americanas com VIH têm um risco maior de Acidente Vascular Cerebral

CROI 2016O risco de acidente vascular cerebral entre as pessoas que vivem com HIV é maior entre pessoas com carga viral não filtradas e entre as mulheres e os americanos de origem africana, de acordo com os resultados apresentados no Conference on Retroviruses and Opportunistic Infections (CROI 2016) mês passado em Boston.

Curso — a interrupção do suprimento de sangue para o cérebro e os danos subsequentes às áreas do cérebro — podem ocorrer como consequência de obstrução nas artérias (isquêmica) ou ruptura das artérias (hemorrágica).

A infecção pelo HIV é um Fator de risco independente para AVC, e há alguns indícios de que a incidência de AVC está aumentada entre as pessoas que vivem com o VIH nos EUA

remédio-caseiro-para-AVC-Sequelas1Os achados, apresentados pela Felicia Chow da Universidade da Califórnia em San Francisco, provêm de uma análise do protocolo ACTG Longitudinal ligados em ensaios randomizados (ALLRT) coorte e ensaios associados. A coorte é composta de pessoas recrutadas para Grupo de ensaios clínicos randomizados se doentes de AIDS entre 1998 e 2011, e que têm sido seguidas posteriormente.

O estudo observacional prospectivo do tipo coorte de pacientes virgens de anti-retroviral inscritos que começou a terapia de HIV entre 1998 272442-avc-2e 2011. Os principais resultados foram o tempo para primeira vez acidente vascular cerebral ou ataque isquêmico transitório (AIT), às vezes chamado de “mini- curso.” Os pesquisadores realizaram uma série de análises para ver quais os fatores tradicionais e fatores os relacionados com o HIV aumentaram o risco de acidente vascular cerebral.

A análise incluiu 6933 participantes no protocolo ACTG estudos sem história de acidente vascular cerebral e linha de pós-seguimento. Um quinto eram mulheres, 37% eram negras e 21% foram hispânicos. No momento em que foi iniciada a TARV, os pacientes tinham uma idade média de idade de 37 anos e a média da contagem de CD4 foi 243 células/mm3, e a media da carga viral foi 57,624 cópias/ml.

Um total de 54 AVCs e AITs foram registradas durante o seguimento de 32,023 pessoa-anos. A incidência global de acidente vascular cerebral foi 1,69 eventos por 1000 pessoas-ano, e foi maior em pessoas com idade igual ou superior a 60 anos (7,39 comparado a 3,36 por 1000 pessoas-ano naqueles com idades 50-59, 1,49 por 1000 pessoas-ano naqueles com idade entre 40-49, e 0,23 por 1000 pessoas-ano em seus 40 anos).

Incidência de acidente vascular cerebral foi maior entre as mulheres do que entre os homens (0,29 vs 0,14 por 1000 pessoas-ano). Risco de AVC ajustado para a idade ou mini- curso foi maior, mas não significativamente, em mulheres em relação aos homens (risco relativo [RR] 1,72; 95% IC 0.96-3.08).

Incidência de AVC ou AIT diferiram de acordo com a raça e foi 2,51 por 1000 pessoas-anos entre os negros em relação a 0,77 por 1000 pessoas-ano entre hispânicos e 1,56 por 1000 pessoas-ano entre pessoas brancas (idade ajustados RR 2,94; 95% IC, 1.22-7.14 e 1.67; IC 95%, 0.95-2.94, respectivamente). Após ajuste para idade, o risco de AVC ou AIT foi significativamente menor entre os hispânicos e outros, mas não entre brancos, quando comparados aos negros (RR 0,34; IC 0,14-0,82).

Painel-ABAVC

Em uma análise multivariada ajustada para idade, tradicionais fatores de risco significativamente associados com AVC ou AIT incluindo maiores níveis de colesterol LDL, hipertensão arterial e disfunção renal. O risco de acidente vascular cerebral devido a hipertensão arterial foi semelhante à observada na população geral, disse Chow.

Fatores de risco para acidente vascular cerebral relacionados ao HIV foram variáveis no tempo da contagem de CD4 abaixo de 200 células/mm3 (vs acima de 500 células/mm3) e uma carga viral detectável (acima de 200 cópias/ml) (nota do tradutor: Eles parecem, com tudo o que eu tenho traduzido, que eles trabalham, lá nos EEUU, com indetectabilidade em contagens abaixo de duzentas cópias de RMA Viral enquanto, no Brasil, nós lidamos com isso em níveis bem mais baixos (40 cópias por ml).

Os pesquisadores também realizaram uma análise multivariada para o controle de potenciais confundidores. Fatores de risco associados com um risco aumentado de AVC ou AIT foram idade (RR 2.10 por aumento de 10 anos), com variação de tempo de colesterol LDL (RR 2,54), hipertensão arterial (RR 2,79) e  carga viral detectável (RR 3.10). Chow observava ainda que os efeitos sobre o risco de acidente vascular cerebral não foram filtrados da carga viral foram os mesmo que o envelhecimento por quinze anos.

Os pesquisadores chamados para mais pesquisas sobre a associação entre o curso ou minicurso do AVC, o sexo feminino e a “raça” negra. Salientaram que vários fatores de risco tradicionais modificáveis — incluindo o colesterol e a pressão arterial — aumentam os riscos para acidente vascular cerebral. Terapia precoce de infecção pelo HIV também pode ajudar a reduzir o risco de acidente vascular cerebral.

Cláudio Souza - Soropositivo desde 1994

Traduzido por Cláudio Santos de Souza na madrugada do Sábado, 02 de julh0 de 2016 entre 2:30 e 3:50 da manhã do original em Women and African Americans with HIV Have a Higher Risk of Stroke elaborado em parceria com o AIDSMAP.COM No próximo dia 04/07/2016 vocês terão A infecção pelo HIV é um fator de risco independente para AVC.

Escrito por Keith Alcorn & Michael Carter para o HIV and hepatitis em colaboação com o AIDSMAP

Reference

F Chow, MR Wilson, K Wu, et al. F et al. Stroke Incidence Highest in Women and Black HIV-Infected Participants in ALLRT Cohort. Conference on Retroviruses and Opportunistic Infections. Boston, February 22-25, 2016. Abstract 43

Advertisements

Publicações Relacionadas

Comente e Socialize-Se. A vida é melhor com amigos!

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Soropositivo.Org, Wordpress.com e Automattic fazm tudo a nosso alcance no que tange à sua privacidade. Você pode saber mais sobre esta polític nste link Eu aceito A Política de Privacidade de Soropositivo.Org Ler Tudo em Política de Privacidade

%d bloggers like this: