AIDS 2016: Dolutegravir Mais Lamivudina funcionam bem como tratamento de 1ª linha do HIV

Image default
Artigos, Traduções e Edições
, Blog Soropositivo. Org
Peter Cahn em AIDS 2016 (Foto: Liz Highleyman)

Regime de duas drogas do dolutegravir e a bem tolerada Inibidora da Transcriptase Reversa Análoga  Nucleosídea, lamivudina levou à sustentada supressão viral para a maioria das pessoas na primeira intervenção de terapia anti-retroviral (TARV) em um pequeno estudo piloto, de acordo com um palestrante de apresentação tardia na XXI Conferência Internacional sobre a SIDA (AIDS 2016) na semana passada em Durban.

Como as pessoas com HIV vivem um tratamento ao longo da vida, pesquisadores continuam a buscar por terapias que são melhor toleradas, mais fáceis de tomar e mais acessíveis.

ViiV Healthcare dolutegravir (Tivicay, também no esquema único Triumeq tablet) é um potente inibidor de integrase com uma alta barreira para a resistência. Lamivudina (3TC; Epivir) é uma forma barata e bem tolerada transcriptase reversa análogos de nucleosídeos (ITRN) com mínimos efeitos colaterais conhecidos de interações medicamentosas e amplamente disponíveis versões de genéricos de baixo custo.

O Estudo GARDEL l anteriormente mostrou resultados promissores utilizando uma combinação dupla de lopinavir/ritonavir (Kaletra) mais  lamivudina. Mas dolutegravir é uma opção mais atraente, como a TI, tem menos toxicidades e interações droga-a-droga do que os inibidores de protease.

Pedro Cahn da Fundação HUESPED demonstrou os achados relatados em Buenos Aires a partir do estudo PADDLE, uma prova de “ estudo-conceito” avaliando dolutegravir mais lamivudina para tratamento inicial do HIV.

Esta fase 4 do estudo piloto tem vinte participantes anteriormente não tratados, adultos com baixa carga viral basal (critério de <100.000 cópias/ml, embora 4 foram realmente acima deste limiar) e mutações de resistência aos ITRN não conhecidas. Todos mas um eram homens e a  idade mediana foi de 34 anos. A mediana da carga viral basal foi de cerca de 24.000 cópias/ml e contagem de CD4 foi de aproximadamente 500 células/mm3. Pessoas com hepatite B foram excluídos (lamivudina também é ativa contra o vírus da hepatite B).

Os participantes no presente estudo aberto foram tratados com 50 mg dolutegravir mais 300 mg lamivudina uma vez ao dia por 48 semanas. Para garantir a segurança a carga viral foi inicialmente medido a cada poucos dias e, depois, a cada duas semanas até o terceiro mês. Os dez primeiros participantes foram avaliados em 8 semanas antes do próximo grupo de dez ter iniciado a terapia. O tratamento foi descontinuado se pacientes não

, Blog Soropositivo. Org
É necessário levar o dolutegravir à toda África imediatamente

alcançassem pelo menos uma diminuição de 1 log na carga viral na oitava semana, e se a carga viral permaneceu acima de 1000 cópias/ml na semana 12 ou acima de 400 cópias/ml na semana 24, ou se a carga viral voltou a surgir depois de se tornar indetectável.

Andrew Cahn apresentou um relatório preliminar do estudo após 24 semanas no Parlamento da Conferência sobre a SIDA em Outubro passado e os  resultados após 48 semana em AIDS 2016. O estudo em curso tem prazo de 96 semanas.

Resultados

  • A carga viral baixou rapidamente após o início da terapia, semelhante ao declínio visto com padrão de 3 a drogas da TARV.
  • A maioria das participantes tinham RNA do HIV abaixo de 50 cópias/ml na terceira semana e todos — incluindo o 4 que iniciaram com a carga viral acima de 10.000 cópias/ml — assim o fizeram a partir da oitava semana em diante.
  • Enquanto todos tinham carga viral indetectável em 24 semanas, em 48 semanas 1 pessoa com experimentou, no protocolo, a linha de definição de falha terapêutica e 1 cometeu suicídio, resultando em uma taxa de resposta de 90%.
  • O tratamento foi geralmente seguro e bem tolerado, com poucos efeitos colaterais ou anormalidades laboratoriais.

Andrew Cahn explicou que o paciente com   falha terapêutica teve o estudo descontinuado, mas o seu médico manteve o mesmo esquema e ele alcançou a supressão viral sem alterar a terapia. Finalmente os pesquisadores convenceram-no a inserir um esquema padrão.

O único evento adverso grave foi um suicídio depois de um evento de vida traumática por um indivíduo que se descobriu, mais tarde, ter tido um histórico antes não divulgado de tentativas de suicídio; isso foi considerado não relacionado com o estudo de drogas.

“Neste piloto, prova de conceito estudo, terapia dupla com Dolutegravir mais lamivudina obteve rápida supressão viral induzida com uma segurança favorável/ perfil de tolerabilidade no tratamento da infecção pelo HIV-1 -indivíduos virgens de TARV”, os investigadores concluíram:

, Blog Soropositivo. Org

 “Se confirmou em um bem alimentado ensaio clínico randomizado, que este regime de duas drogas pode ser considerado como uma simples, potente, bem tolerada e potencialmente barata estratégia para o início do tratamento da infecção por HIV.”

Andrew Cahn disse que mais dados de ensaios maiores são necessários para determinar se a terapia dupla é uma estratégia segura e eficaz. A fase 3 do estudo GEMINI  (NCT02831673), que rastreou seu primeiro participante na semana passada, irá comparar dolutegravir mais  lamivudina versus o esquema padrão do dolutegravir mais tenofovir/emtricitabina ( drogas em Truvada).

“Temos  de esperar e ver”, Cahn advertiu. “Não faça isso em casa até dispormos  dos resultados”.

Conteúdo extra:

Antirretroviral dolutegravir é incorporado ao SUS

Medicamento entrará em 2016 na terceira linha de tratamento da infecção pelo HIV
O antirretroviral dolutegravir foi incorporado ao SUS a partir de decisão da Comissão Nacional de Incorporação de Tecnologias do SUS (Conitec), como medicamento de terceira linha no tratamento da infecção pelo HIV. A terceira linha de tratamento é conhecida como linha de resgate. Ou seja, aquela indicada caso falhe o cuidado do paciente com a primeira e a segunda linhas. .. leia mais Assessoria de Comunicação Departamento de DST, Aids e Hepatites Virais Conheça também a página do DDAHV no Facebook: https://www.facebook.com/DSTAidsHV

Traduzido por Cláudio Souza do original em AIDSMAPAIDS 2016: Dolutegravir Plus Lamivudine Works Well as First-Line HIV Treatment

, Blog Soropositivo. Org
Cláudio Souza

Revisado por Mara Macedo

, Blog Soropositivo. Org

Se você é usuário de Natura Compre Conosco

 

Este é um trabalho feito com amor, dedicação, carinho e um 1⃣ senso de responsabilidade! Ele gera custos e despesas! 

Apoie neste link https://www.natura.com.br/?consultoria=claudiosouzaebeleza

E logo abaixo um formulário em que você possa mandar uma mensagem para mim!

Doe R$ 10,00 Doe R$ 50,00 Doe R$ 100,00

 

, Blog Soropositivo. Org
Se você pode e quer, por favor, ajude
, Blog Soropositivo. Org

E não foi dentro de uma “zona temporal de conforto”! Esta é uma história que só eu a tem para contar!

Fui a primeira pessoa física, um CPF, não um CNPJ a, entre aspas, “dar minha cara a tapa”!

Por tudo o que vivi, isso tudo aconteceu em um período ainda conturbado pelo preconceito e, sim, houve preços a serem pagos.

A moeda sempre foi a da exclusão social e cheguei a titubear entre prosseguir ou não!

O grande “IT” de tudo isso é que sem este trabalho nada me restaria, senão o  ócio e com toda a certeza não suportaria. Tenho a necessidade de ser produtivo.

We are Borg!

Se não de tédio pelas horas vazias, ao menos por suicídio pela absoluta falta de propósito que minha vida teria e a terrível impressão de parasitose que viria a me acometer. Assim, eu não pude parar.

Tive a oportunidade de realizar muitas coisas e, na outra mão, perdi diversas oportunidades de fazer mais, com um alcance mais profundo e melhor.

Nem tudo é como se quer. Deixa chover (Guilherme Arantes)!

Enfim, se você tem a possibilidade de apoiar, de financiar, mesmo que minimamente este projeto, eis aqui os fatos:

, Blog Soropositivo. Org
Este é o Único Blog ” Ainda ON LINE” a ter recebido este prêmio e esta consagração. O blog que alcançou o mesmo Status foi o Solidariedaids, de Paulo Giacommini. Infelizmente eu não consigo encontrar o link e a comunicação este eu e ele é muito difícil
  •  
, Blog Soropositivo. Org
Único Blog On Line Tratando deste tema a Ter Recebido Este Prêmio pelo Júri Acadêmico

, Blog Soropositivo. Org

Leitura Recomendada Neste Blog

Oi! Pessoal, obrigado por ter chegado até aqui! Sua atenção e interesse é o nosso maior interesse, trabalhamos aqui, eu e mara, com a finalidade de informar vocês, far alguma clareza em alguns pontos nebulosos de “tudo isso”.

Entretanto, nos faltam recursos financeiros

Se você gosta do trabalho, se tem condições de ajudar e quer ajudar, muitas vezes o custo de uma bobagem do seu dia-a-dia para nós, certamente fará a diferença porque, sabemos, o beija-flor, carregando água na pontinha de seu bico fará toda a diferença no esforço de apagar o incêndio na floresta!

Pense nisso!

Logo abaixo alguns recursos para facilitar o apoio!

Sugestões de leitura

Uma pessoa já disse algo!!! E você, Vai ficar de fora!?

Tem algo a dizer? Diga!!! Este blog é melhor contigo!!!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

A Automattic, o Wordpress e Soropositivo.Org, e eu, fazemos tudo a nosso alcance no que tange à sua privacidade. E estamos sempre aprimorando, melhorando, testando e implementando novas tecnologias de proteção de dados. Seus dados estão protegidos e, eu, Cláudio Souza, trabalho neste blog 18 horas or dia para, dentre tantas outras coisas, garantir a segurança de suas informações, posto que sei das implicações e complicações das publicações aqui passadas e trocadas Eu aceito A Política de Privacidade de Soropositivo.Org Conhecer Nossa Política de Privacidade

Whatsapp WhatsApp Us