Anúncios
Últimas noticias

É possível afirmar, com certeza, que uma criança não está infectada pelo HIV sem realizar os exames?

Nota Importante Este é um artigo remanescente do início da história deste site, em meados de 2000 a 2001. Não tem valor informativo perante a realidade da quase completa supressão da transmissão vertical do HIV a partir do ano de 2010~2012 aproxmadamente, quando estabeleceu-se que científicamente que a mulher grávida, com exame HIV Positivo confirmado receba uma atenção especial que reduz em 97% a possibilidade da mãe transmitir o vírus para o bebê..

Não. Independente do diagnóstico clínico da infecção pelo HIV, a certeza deve ser corroborada com exames laboratoriais específicos.

Isto se deve à necessidade do diagnóstico precoce, quando se leva em consideração que o grupo não exibe as mesmas características de evolução da doença que os adultos. Nas crianças, o desenvolvimento de sintomas pode iniciar-se nos primeiros meses de vida (entre 9 e 15 meses), tais como, infecções oportunistas e encefalopatia pelo HIV, com rápida progressão e mortalidade precoce. Se tal declínio clínico não ocorre nesta faixa etária, as crianças podem alcançar a idade de cinco anos e, a partir de então, exibirem quadros infecciosos bastante característicos, tais como pneumonia intersticial linfóide e infecções bacterianas recorrentes, relacionadas com melhor prognóstico. Algumas crianças apresentam longo período de incubação, chegando, às vezes, até a adolescência com ótimo desenvolvimento físico e psicológico sem nenhuma infecção oportunista, situação mais freqüentemente descrita no grupo de crianças hemofílicas.

Esta heterogeneidade na expressão e tempo do início dos sintomas permanece por ser explicada. Fatores genéticos, cepa viral, co-fatores e o tempo e forma de transmissão da infecção podem também contribuir para tal diversidade

Anúncios

Olha só pessoal.

No início do post tem uma imagem com um texto falando sobre o trabalho e os custos que a gente tem. Você que está me lendo agora, pode e tem o direito de não acreditar.

No mês de mais, quando mais de quarenta mil visitas foram registradas, houve três cooperações.

Quando nós pedimos cooperação financeira, qualquer valor é bom.

Sabe, o beija-flor pode carregar uma diminuta gota d’água em seu bico, no afã de apagar o incêndio na floresta….

E nunca será insuficiente 😊

Está conta serve para transferências de qualquer banco ou depósitos na boca do caixa de qualquer agência do Santander

Esta conta não permite, senhores abusadores, que seja feito nada a título de débito nela.

Você não poderá, como já pôde, assinar 65 revistas de uma só editora e, muito menos abrir contas de acesso à Internet :-)

Precisa conversar

Whats App Soropositivo.Org

Estamos aqui para ajudar a pensar, não para diagnosticar. Não somos médicos ou profisionais de saúde. Buscamos ajudar com palavras amigas, conforto espiritual e, na medida do possível, terminar com a neurose gerada por bloqueiros de meia pataca ou homofóbicos sem caráter que não pensam duas vezes antes de espalhar terros entre pessoas que, quer eles, os homofóbicos, queiram ou não, são seres humanos. Tenha em mente que o numero do WhatsApp esta conectado a um CPF

A PEP é um direito de todos! Saiba onde a achar

A PEP é um direito de Todos

A PEP É um DIREITO DEDOS

[EIKYGMrz]

Top Blog Pessoal Saúde Juri Acadêmico 2013/2014

Top Blog Pessoal Saúde Juri Acadêmico
Sobre Claudio Santos (524 artigos)
Depois de passar quatro décadas tentando estabelecer pelo menos um armistício com meu pai e ver as falhas ocorrerem sistematicamente, tentativa após tentativa, eu desisti do sobrenome “de Souza”. Estava me preparando espiritualmente para isso quando uma amiga locupletou a façanha de descobrir onde está minha mãe... Cláudio Santos. Quem preferir, aluda-se a mim como o Cláudio do Site,ou Cláudio do Soropositivo.Org, ou ainda aquele da promessa não cumprida: Cláudio, o trouxa do livro que acreditou em "palavra emprenhada". Eu mostro meu rosto, embora alguns me censurem, porque, no meu modesto ponto de vista, ser portador de HIV não é crime e, portanto, não há do que me envergonhar. Eu contraí HIV pela via sexual. Eu fui um DJ e, durante cinco anos fui DJ no vagão Plaza e durante uns outros dois ou tres, quase quatro anos, fui DJ do Le Masque. Lá, um filho da puta me pediu para fazer minhas férias e puxou meu tapete. Aí fui parar na "Segredos", uma casa gay e, de quebra, morei lá por um tempo. Rua da Amargura, onde R.A. Gomes me colocou. Mas dei a volta por cima e fu trabalhar na SKY. Depois, na Pink Panther, em Santos e, enfim, na XEQUE Mate e, terminei minha carreira, aquele que fora três vezes considerado o Melhor DJ de São Paulo, como um apagado DJ do La Concorde e do Clube de Paris, onde conheci uma das mais belas mulheres com quem convivi e a perdi. Conheci alguém novo, uma mulher, "do dia", que me apresentou esta Entidade, o computador e, por muito tempo vivi de consertá-los. Sei, hoje, que ainda há muita gente que me odeia. Quer saber? Get them the hell and fuck off porque eu não dou a mínima. Simplesmente faço meu trabalho e me reporto a Deus...

Seu retorno é importante. Nós atendemos às solicitações de textos, desde que ligados ao tema central de alguma forma. Faça seu comentário, de sua opnião

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: