Cientistas NIH identificaram anticorpos potentes que neutralizam quase todas as cepas do HIV – Talvez mais próximos de uma vacina

Home / Notícias Diversas Mais de 50 artigos / Cientistas NIH identificaram anticorpos potentes que neutralizam quase todas as cepas do HIV – Talvez mais próximos de uma vacina
Notícias Diversas Mais de 50 artigos
Notícias Diversas Mais de 50 artigos
, Blog Soropositivo. Org
A descoberta e caracterização deste anticorpo com tamanha força e tal amplitude espectral contra o HIV pode levar a estratégias de prevenção e tratamentos mais eficientes contra o HIV
NIAID Director Anthony S. Faucy, MD

Os cientistas dos institutos nacionais de saúde identificaram um anticorpo a partir de uma pessoa infectada pelo HIV que potentemente neutralizada 98 por cento das cepas isoladas do HIV já testadas, incluindo 16 de 20 cepas resistentes a outros anticorpos da mesma classe. A notável amplitude e potência de este anticorpo, denominada N6, o torna um atraente candidato para desenvolvimento de um medicamento/vacina potencialmente capaz de tratar ou evitar a infecção pelo HIV, dizem os pesquisadores.

Os cientistas, liderados por Mark Connors, M.D., do NIH do Instituto Nacional de Alergia e Doenças Infecciosas (NIAID), também acompanharam a evolução do N6 ao longo do tempo para compreender como se desenvolveu a capacidade de neutralizar quase todas as cepas do HIV. Esta informação ajudará a idealizar a concepção de vacinas para provocar o aparecimento detais anticorpos amplamente neutralizantes.

Identificação de anticorpos neutralizantes contra o HIV em geral tem sido difícil porque o vírus muda rapidamente suas proteínas de superfície como forma de evasão numa já descrita aqui “corrida armamentista do reconhecimento pelo  sistema imune”.

, Blog Soropositivo. Org
“Nota do tradutor: envelope viral é o envelope ou cápsula externa ao capsídeo, presente nos vírus. Sua composição baseia-se, principalmente, de glicoproteínas e fosfolípidos, sendo estes derivados de estruturas da célula hospedeira, como membrana plasmática e organelas. Recortei está definição de um esboço sobre o referido envelope viral. Clique na imagem para saber mais

Em 2010, cientistas no  Centro de Pesquisa da vacina (NIAID VRC) descobriu um anticorpo chamado VRC01 capaz de impedir que até noventa por cento das cepas virais do Vírus da Imunodeficiência Humana de infectar as células humanas. Como VRC01, N6 bloqueia a infecção pela ligação a uma parte do envelope HIV chamado local de ligação CD4, impedindo o vírus de se fixar para células imunes.

Os achados do presente estudo mostraram que N6 evoluiu de um modo único de encadernação que depende menos de uma variável de área do envelope viral do HIV, conhecido como região V5 e se concentra mais em regiões que se alteraram relativamente pouco entre as cepas do HIV. Isso permite que o N6 possa tolerar mudanças no envelope de HIV, incluindo no anexo de glicose nas regiões V5, um importante mecanismo pelo qual se desenvolve a resistência do HIV a outros anticorpos da classe VRC01.

Os novos achados sugerem que o N6 possa representar vantagens sobre VRC01, que atualmente está sendo avaliado através de infusões venosas em ensaios clínicos para ver se ela pode seguramente impedir a infecção por HIV em seres humanos. Devido a sua potência, o anticorpo N6 pode oferecer uma reação mais forte e mais durável na prevenção e no tratamento e outro dos benefícios é que os pesquisadores poderão ser capazes de administrar por via subcutânea (na gordura sob a pele) em vez de por via venosa (seria mais ou menos como eu faço, aplicando quatro injeções de Clexane©®. Além disso, a sua capacidade para neutralizar a quase todas as cepas do HIV seria vantajosa para ambas as estratégias de prevenção e tratamento.

Traduzido por Claudio Souza do original em NIH Scientists Identify Potent Antibody that Neutralizes Nearly All HIV Strains

Revisado por Beto Volpe – Tantum Nominum Nulum par Elogium

 

ARTICLE:
J Huang, BH Kang, E Ishida, T Zhou et al. Identification of a CD4-binding site antibody to HIV that evolvednear-pan neutralizationbreadth. Immunity DOI: 10.1016/j.immuni.2016.10.027 (2016).

WHO:
NIAID Director Anthony S. Fauci, M.D., isavailable to comment on the research. Mark Connors, M.D., chief of the HIV-SpecificImmunitySection in NIAID’sLaboratory of Immunoregulation and the seniorauthor of the paper, alsoisavailable.

The researchteamincludedscientists from NIAID’sLaboratory of Immunoregulation and Vaccine Research Center.

Content last reviewed on November 15, 2016

, Blog Soropositivo. Org
A imagem é clicável e abre em outra aba

Publicações Relacionadas

Relatório Global Vigésima Segunda Avalição Externa da Qualidade Testes de Carga Viral do HIV

Cláudio Souza

Mulheres em relacionamentos sorodiscordantes para o HIV são menos propensas a tomar a PrEP

Cláudio Souza

30 anos depois, um olhar sobre a primeira droga contra a AIDS

Cláudio Souza

Soropositivo.Org, Wordpress.com e Automattic fazem tudo a nosso alcance no que tange à sua privacidade. Você pode saber mais sobre esta política neste link Eu aceito A Política de Privacidade de Soropositivo.Org Ler Tudo em Política de Privacidade

Política de cookies e privacidades
Whatsapp WhatsApp Us
Olá! Sou o Beto Volpe! Quer Conversar? Diga olá! Mas tenha em mente que eu trabalho aqui entre 9:00 da manhã e 20 horas. Você pode deixar a mensagem, mas eu responderei nestes horários. Talvez eu demore, mnas em *SEMPRE RESPONDO*

Este Site usa Cookies e você pode recusra este uso. Mas pode saber bem o que está sendo registrado em, conssonãncia com nossa política de privacidade