Últimas noticias

Desmistificando a camisinha feminina

A camisinha feminina ainda ronda a cabeça da mulherada (e dos homens também!) como algo estranho, raro e difícil de usar. Este artigo tira suas dúvidas sobre o uso, margem de segurança, contra indicações e vantagens de utilizar esta opção como forma de proteção.

De que ela é feita? A camisinha feminina é feita de borracha nitrílica ou poliuretano. Ambos os materiais são finos e resistentes e oferecem proteção do contato direto do pênis com a vagina. Abaixo, um comparativo da camisinha masculina e logo abaixo a camisinha feminina.

tipos-de-camisinha.jpg

Ela é segura? Sim! Se usada corretamente, ela oferece 98% de proteção contra gravidez e doenças sexualmente transmissíveis, este índice de proteção é o mesmo da camisinha masculina.

Existe alguma contraindicação? A camisinha feminina não deve ser usada em mulheres que fazem uso do diafragma como método contraceptivo, pois este fica no mesmo local que um dos anéis da camisinha é posicionado e pode acarretar a perda da eficácia da mesma.

Onde encontrar? A camisinha feminina é encontrada em farmácias, supermercados ou nos postos de saúde, nos quais a distribuição é feita de forma gratuita. Caso queira comprar, os valores giram de sete a dez reais e a embalagem vem com uma unidade.

Quais são as vantagens do uso? Ela pode ser inserida até oito horas antes da relação sexual, e fica posicionada de forma segura durante este tempo. Também pode ser usada no período menstrual ajudando a conter o fluxo durante a relação. Cobre uma parte maior do corpo, diminuindo o risco de contágio de doenças como herpes e verrugas genitais (HPV). Não tem efeitos colaterais devido ao seu uso e é menos alergênica, podendo ser uma excelente opção tanto para homens como mulheres que são alérgicos ao látex.

Quais são os cuidados do uso? Você nunca deve usar a camisinha feminina e a masculina ao mesmo tempo, pois há risco de rompimento, não abrir o pacote com os dentes para não danificá-la e utilizá-la do começo ao fim da relação sexual para evitar doenças e gravidez indesejada.

Como colocar? Primeiramente, ao retirar a camisinha da embalagem, verificar a integridade a mesma, para ver se não há rasgos ou furos. Após, coloque-se em posição confortável e segure a camisinha com o anel externo para baixo. Dobre o anel menor entre o dedo polegar e o indicador e introduza na vagina, com o indicador empurre a camisinha o mais fundo possível (mesmo movimento de quando você coloca um absorvente interno). Após a relação, retire cuidadosamente puxando o anel externo e pela bolsa plástica e faça o descarte corretamente.

camisinha 2.jpg

Ainda tem dúvidas sobre a eficácia da camisinha, seja ela masculina ou feminina? Dê uma olhadinha nestes textos do blog que o Claudio gentilmente me indicou para sanar qualquer dúvida:

 https://soropositivo.org/2016/10/08/preservativos-um-breve-perfil/

https://soropositivo.org/2016/07/25/a-verdade-sobre-preservativos/

Anúncios

Precisa conversar

Whats App Soropositivo.Org

Estamos aqui para ajudar a pensar, não para diagnosticar

Top Blog Pessoal Saúde Juri Acadêmico 2013/2014

Top Blog Pessoal Saúde Juri Acadêmico

Seu retorno é importante. Nós atendemos às solicitações de textos, desde que ligados ao tema central de alguma forma. Faça seu comentário, de sua opnião

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: