Anúncios
News Ticker

Os rins

Pessoal, manter o site nos traz custos, custos estes que estão difíceis para arcarmos sozinhos. Nós queremos continuar trazendo informações e ajudando as pessoas que chegam até aqui, mas para isso também precisamos de ajuda. Qualquer valor é bem vindo e nos ajudará a manter o site de pé, caso contrário não conseguiremos mais ter esse canal de informação e ajuda mútua. Segue a conta para depósito: Banco do Brasil, agência 1521-0, conta corrente 19957-5, em nome de Claudio Souza
Os rins Nesta imagem além dos ríns aparecem importantes vasos sanguíneos e o coração. Os rins são importantíssimos para a manutenção da vida pois eles filtram e removem boa parte da "sujeira", os metabólitos indesejáveis, que são subprodutos de processos biológicos que mantém a vida segundo após segundo. Em dezessete anos trabalhando neste site eu aprendi algumas coisas. Uma delas: Deus é Maravilhosamente bom e amoroso e, naturalmente, maravilhosamente inteligente, pois esta coisa, a vida, é tão frágil, tão etérea que somente a sucessão eterna de milagres que eu tenho aprendido a ver acontecendo, enquanto trabalho aqui. Muitos podem dizer que eu enlouqueci. E talvez eles tenham razão. Mas... na minha minúscula e insignificante opinião, aqui na Terra, este mundo tão distante do grande centro de luz da chamada "Via Láctea", eu só posso dizer que eu ter contraído HIV certamente foi a melhor coisa que aconteceu em minha vida e eu agradeço a Este ser Magnânimo pela abençoada oportunidade que Ele me deu de aprender servindo e servir aprendendo. Meu Pai! Celestial!!! Muito Obrigado

Os rins são órgãos em forma de feijão, mais ou menos do tamanho do punho de um adulto, situados nos lados direito e esquerdo do corpo, próximo ao meio das costas, bem abaixo da costela. Embora a maioria das pessoas tenha dois rins, um rim saudável é suficiente para garantir que você continue bem. Algumas terapias usadas em pessoas com HIV têm sido associadas com problemas nos rins e, excepcionalmente, o HIV pode causar algum tipo de doença dos rins.

Qual a função dos rins

aparelho urinário-depositphotos_72995017_original

O aparelho urinário, do qual as peças principais são os rins. Nesta imagem, em menor destaque, há o traçado dos intestinos, onde, conforme tem-se observado, o HIV cria seus reservatórios. Estes reservatórios são a peça chave da permanência ou remoção do HIV de nosso corpo, uma vez que a medicação de hoje nada faz, apenas de uma maneira melhor, com menos efeitos colaterais, o mesmo que as do “dito coquetel” faziam quando form lançados (…) em 1996: Eles obliteram etapas do processo de replicação do vírus, permitindo que a parte que sempre permanece indene à ação do HIV o elimine por completo da corrente sanguínea, ms não é capaz de detectá-lo ou destruí-lo nestes reservatórios e, acreditem ou não, todos os tecidos que compões os intestinos, devidamente abertos e espalhados cobririam um hectare, a área equivalente a de um campo de futebol oficial

Os rins filtram o sangue e removem resíduos, tanto provindos do esgotamento normal do tecido do organismo, como dos alimentos. Regulam o equilíbrio dos minerais e da água do organismo. Os resíduos, o excesso de minerais e a água formam a urina que flui para a bexiga através dos tubos chamados ureteres. Os rins também liberam hormônios importantes, notavelmente um que estimula a produção das hemácias (eritropoetina), e outro que regula a pressão sangüínea (renina). Além disso, eles convertem a vitamina D em sua forma ativa, o que é essencial para ossos saudáveis.

Problemas dos rins
As causas comuns de doenças nos rins são inflamação no filtro, diabetes e pressão alta. Essas podem levar à perda excessiva de proteína do sangue, sangue na urina e/ou insuficiência crônica dos rins. A infecção na urina pode ser limitada à bexiga (cistite) ou pode afetar os rins (pielonefrite); algumas infecções bacterianas podem alcançar os rins através do sangue (tuberculose). Em insuficiência aguda, o processo de filtragem é totalmente interrompido; isso pode ser causado caso o abastecimento de sangue para os rins seja inadequado, provocando infecções graves ou o aparecimento de algumas substâncias tóxicas para os rins. No diabetes, o excesso de glicose no sangue pode danificar as veias sangüíneas. As toxinas dos medicamentos muito comumente danificam os tubos.

Problemas nos rins e infecção com HIV
O HIV por si próprio pode (excepcionalmente) causar uma forma de glomerulonefrite (nefropatia de HIV). Essa inflamação dos rins é muito freqüentemente observada em pessoas negras e também em usuários de drogas. Provavelmente, a nefropatia de HIV é menos comum com o uso difundido de medicamentos anti-HIV. O diabetes é uma possível complicação no tratamento com inibidores de protease. A intoxicação por medicamentos, em pessoas com HIV, pode resultar do uso de medicamentos anti-HIV ou de outros utilizados para tratar infecções oportunistas (ex. Septrim) ou também de algumas drogas como a cocaína. O indinavir pode causar pedras na urina, as quais se formam com muito mais freqüência caso você não beba muito líquido. O tenofovir (viread) não tem sido associado com muitos casos de problemas nos rins.

Sintomas de problemas nos rins
A função de seus rins e o açúcar no sangue devem ser monitorados nos seus exames de sangue rotineiros. Grandes quantidades podem causar, respectivamente, descoloração marrom/vermelha ou urina espumosa. A perda de proteína excessiva pode causar acúmulo de líquido nas pernas e em outras partes do corpo. Um primeiro sinal de que os rins não estão em perfeito funcionamento pode ser urinar excessivamente à noite (também um sintoma de diabetes). Os sintomas de uma insuficiência mais grave podem incluir um estado geral de mal-estar, cansaço, náusea, dores de cabeça, cãibras nos músculos, redução do fluido da urina, sonolência, coceira e, posteriormente, escurecimento da pele. Pessoas com pedras nos rins causadas por indinavir podem sentir dores intensas no flanco ou uma queimação na uretra ao urinar. Infecções urinárias podem causar dor ao urinar, vontade constante de urinar e, particularmente, se afetar os rins, também pode causar dores lombares, febre e mal-estar.

Exames
Sangue ou proteína na urina podem ser detectados por simples exames denominados “stick”; uma análise mais detalhada pode ser realizada em laboratório. As amostras de sangue podem ser analisadas através dos níveis de minerais e proteínas e através da creatinina, um indicador bastante sensível e específico da função renal, ou da uréia, um indicador menos específico, sendo mais afetada pela hidratação e dieta. Ultrasom, TC (tomografia computadorizada) ou RM (ressonância magnética) ou escaneamentos podem ser usados para visualizar os rins. Algumas pessoas podem solicitar uma biópsia renal, o que envolve retirar uma pequena amostra de tecido renal para exame em microscópio.

 

Tratamento
Interromper os medicamentos ou reduzir suas doses pode ser necessário quando o tratamento provoca problemas nos rins. Se você está tomando indinavir, beba pelo menos dois litros de água por dia, ou mais, quando estiver calor, ou quando estiver se exercitando. A infecção urinária deve ser tratada rapidamente com os antibióticos apropriados. Algumas formas de nefrite (inflamação dos rins) podem ser tratadas. Se há muita perda de proteína e o edema (inchação), diuréticos e uma dieta rica em proteínas podem ser recomendados. O açúcar elevado no sangue e a pressão sanguínea devem ser controlados cuidadosamente, dependendo da causa e da gravidade do problema. Em insuficiência renal moderada, uma dieta baixa em proteínas pode ajudar a reduzir os sintomas e a proteger os rins; a ingestão de sal e potássio talvez precise ser modificada. Se os seus rins pararem de funcionar completamente, você precisará de uma diálise (hemodiálise, pela qual o sangue passa por uma máquina de filtragem externa; ou diálise peritoneal, quando o líquido é colocado e retirado da cavidade abdominal) para remover os resíduos e equilibrar os níveis de água e minerais. Além disso, se os rins falharem permanentemente, pode ser necessário um transplante de rins com tratamento imunossupressor, para evitar rejeição. Porém, obviamente, isso não é simples em pessoas com HIV.

Anúncios

Precisa de algo? Ou quer ajudar?






Precisa conversar

Whats App Soropositivo.Org

A PEP é um direito de todos! Saiba onde a achar! Clique na imagem

A PEP é um direito de Todos

A PEP É um DIREITO DEDOS

Top Blog Pessoal Saúde Juri Acadêmico 2013/2014

Top Blog Pessoal Saúde Juri Acadêmico
%d blogueiros gostam disto: