2017

AIDS: Quadro de avaliação de riscos para o contágio do Vírus HIV

Leave a Reply

Comments (12)
  1. Giselli disse:

    Boa noite. Estava andando pela calçada e tinha um mendigo pedindo dinheiro quando dei o dinheiro pra ele, eles espirrou na minha cara atingindo os Meus olhos. Corro algum risco de estar contaminada? Me ajuda por favor

    1. Claudio Souza disse:

      Está não é uma forma de transmissão do HIV. O HIV só se transmite em relações sexuais desprotegidas, compartilhamento de apetrechos de uso de drogas injetáveis, transfusões de sangue cujo doador seja portador de HIV e o sangue não tenha sido testado (isso, no Brasil, é uma hipótese remotíssima) bem como o uso de derivado de sangue, como, por exemplo, medicações utilizadas, o que também pode ser considerado uma efeméride no Brasil. Desaperte seu coração, pois se você for portadora de HIV o motivo certamente terá sido outro. Se você não tem nenhuma razão, além desta que você mencionou, não há nenhum motivo para você temer (ô palavrinha) esta doença

  2. Anna disse:

    Boa noite Cláudio …olha será que estou só matizado? Pq dez que come sei a pensar nessa possibilidade de estar soro convertendo msm com os 2 testes negativos eu tenho sentido minha bocaeia seca e uma tosse seca … confesso que não sei oq fazer pra acabar com essa angústia. … eu penso que em.qualquer momento ela vai dispertar …oq devo fazer … obrigada deus te abençoe!

    1. Claudio Souza disse:

      Vc está, com certeza, somatizando. Leia isso

  3. Joseilton brito disse:

    Boa tarde , na realidade não é nem comentário , mas a priori e saber se o risco que passei e ou não um risco ,pois procurei informações aqui onde moro é os que as profissionais de saúde sabe dizer , se vai ou não fazer o teste , em suma a tratativa e extremamente desdenhosa , como se tal profissional não passam todos os dias por inúmeros riscos , não só por aids ,mas outras diversas .
    Por esta razão procuro na net por pessoas entendidas que detém o conhecimento sobre o assunto é a maioria das vezes são profissional do sul do Brasil . Dei carona a um rapaz branco corpo atlético , sem camisa e de calça era dez horas , justamente nessa hora que o demônio atenta e carne grita , fui peguei só no pênis branco só pra suprir a curiosidade e a tentação , o pênis flácido , sem estímulo nenhum , sem ejaculacao e sem sexo , mas estava muito úmido o pênis do rapaz e o prepúcio muito grande , eu não sei se a umidade do pênis todo vale salientar e muito flácido pequeno , era urina ou suor , bom quando vejo minha não molhada pelo menos deixei , só que em um dos dedos observei que tinha um ferimento pequeno tipo pele com psoríase , ferimento como se houve puxado a pele , mas não tinha sangue e nem secreções , como um bife de unha sem ter sangue , bom não sei a sorologia do rapaz ,mas este risco que passei se foi realmente um risco ,posso contrair HIV ?

    1. Claudio Souza disse:

      Bem, tudo isso tem pouco a ver com o demônio, meu caro. Falando francamente eu não vejo risco de contaminação. Se você vier a ser detectado em exame para HIV e eu acho interessante que você faça o teste, eu creio que tem bem pouca possibilidade de ter sido por isso. Não sei onde vc vive e fico me perguntando se você não seria motorista de caminhão, uma população altamente vulnerável a DSTs em geral; mas não posso me alicerçar no evento “carona” para presumir isso. Eu sugiro que você pense sobre os últimos trinta dias e se você pode dormir tranquilo de hoje em diante sem fazer o teste. Se você não se sentir assim, por favor, faça o teste. É gratuito, anônimo, seguro e investiga além do HIV a sífilis e as hepatites virais. Eu vivo com HIV ha 22 anos e sei que a chave da minha sobrevivência relativamente “intacta” (tudo funciona bem, exceto o sistema nervoso) se deve à minha vigilância constante ao meu corpo e, diante de qualquer dúvida eu vou a um hospital. Se não fosse assim eu teria falecido em 2005, quando tive minha primeira embolia pulmonar, ou dois anos mais tarde, quando tive um enfarto que, segundo a médica, foi de “pequenas proporções” (seja como for eu tive de fazer um cateterismo). Então, amigo, eu sugiro que vc pense muito em tudo isso e veja se não é melhor, por via das dúvidas, fazer o exame. 🙂

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

%d blogueiros gostam disto: