Últimas

Somatização de Sintomas de Infecção Por HIV

Somatização de Sintomas de Infecção Por HIV Será que é somatização? O Cláudio fala, mas eu não consigo acreditar! Já fiz 15 exames, mas eles dão não-reagente. Eu não confio nestas merdas, e o Cláudio? Ah, ele mesmo disse que não é médico....

Sintomas de Infecção Por HIV….

Sintomas…. Eis aí uma palavra que eu gostaria de extinguir do léxico. Mas não de mansinho. A pauladas. Uma a uma, pois esta palavra e tudo o que ela gera em termos de sofrimento, de dor moral…. Putz grilus viu!? (Frase de paulistano…. “Qui nem as mina óH!)

A Somatização de Sintomas de Infecção Por HIV.O  Novo Risco Corrido

A “Convivência Comigo” e Suas Novas Descobertas Convertidas em Somatizações.

 

Quando eu digo que algumas pessoas demoram para aprender e outras não aprendem nunca ou só quando é tarde demais e aponto o dedo aos narizes de cada uma delas,  a primeira pessoa que eu menciono, a ter o nariz a ser apontado, por mim, sou eu! Digamos que, sem exagero, eu vi repetidas, repetidas, repetidas e repetidas vezes, enquanto DJ, na Noite, pessoas “morrerem disso”.

Somatização de Sintomas de Infecção Por HIV

E, “sem embargo”, eu não aprendi enquanto não me descobri contaminado e, como eu era “um amor de pessoa”, o mundo (o meu mundo) desabou

sobre seu principal habitante, eu, que punha nele quem eu bem entendia, normalmente pessoas do sexo feminino, que depois eu parecia esquecer “e não ver mais”. Desta forma, eu povoei meu mundo mesquinho com inimigas e inimigos, e seus associados naturais que, quando perceberam, finalmente, uma vulnerabilidade, “destruíram a mim e, assim, com meu mundo”. E daria pano para manga, mas eu ainda tenho de conversar muito, muito, muito, muito e muito numa das últimas vezes que a vi disse que talvez precisasse de umas outras novecentas sessões ao que ela retorquiu:

“Novecentas Sessões”!

Falando de Somatização de Sintomas de Infecção Por HIV e as Novecentas Sessões…!

E rimos! Bem, eu creio que o número de sessões paira entre o interminável e o incognoscível….

Mouse No Echo

E, uma vez sem mundo, sem amigos, pois para chegar a eles eu teria de atravessar uma barreira territorial literal e virtualmente hostil e, perplexo diante da minha própria posição, esqueci-me de Antigos Amigos, Amigos Eternos e Uma Amiga com uma Interminável capacidade de perdoar, Elisabete Castro, “minha gerente”, a quem eu traí e, hoje eu sei, tinha sido peçonhentamente envenenado pela pior de todas as pessoas que eu tive em meu caminho.

E cujo nome sempre estará no esgoto de minhas memórias. E ela sabe bem que ela é, o que fez, como fez e, se chegar aqui, e ler isso, saberá claramente que falo dela.

Pois quando fui esclarecido sobre o que, e não quem, ela é, deixei para ela uma resposta eterna:

Uma vez dito isso, a titulo de introdução e desabafo público, sigamos com o que importa:

 

Os Aventureiros Conscientes Em Renovadas Incursões no território do perigo e do medo!

 

Há pessoas que correm riscos de contrair HIV e, sem saber nada sobre isso em absoluta ignorância (inconsciência) com a paternidade de Governos e governos, mais governos e governos, e a Maternidade formada pelo interesse supérfluo da mídia frívola que se refestela incensando pessoas, “na verdade corpos”, alimentado o que Laerte Braga (in memorian) batizou de:

A Sociedade do Espetáculo.

Estas pessoas chegam à Internet procurando informações e, Ipso Facto, não sou eu a única pessoa que trabalha na informação real e objetiva com seriedade. Mas pulula quem desinforma, contra-informa, e espalha pânico, como, um exemplo que eu nunca cansarei de aludir, a janela imunológica de três anos para relação anal,  UMA MENTIRA CAPITAL, que é, sem sombra de dúvida, oriunda da mente enfermiça de um idiota (um filho de puta isso sim!) e eu peço desculpas ao Clube dos Filhos da Puta homofóbico em delírio pós Status Lisérgicus.

 

A grande benção de quem atende publicamente e pessoalmente é aprender mais em menos tempo e se auto-incrementar e há coisas que eu passo para as pessoas, como o meu desabafo, o meu cansaço. Uma sequência interminável de pesadelos, desde há duas semanas para cá, frutos naturais da reflexão pós terapia, que me parece natural, embora aterradora, e a triste progressão da neuropatia periférica e seus estragos e a quase interminável vivência de um status de vida em dor que, hoje, me faz entender bem minha empatia com o Dr° House. No meu caso a “festa”, modo sinistro de se vivenciar algo desta natureza (é sábado, 29/09/2012) e faz algum tempo que desanimei de assistir Voyager e estou prestes a dormir.

 

O Terror! Entendam: – Estar Contaminado Com HIV Não Estabelece Um Caso De AIDS Em 90 Dias

As pessoas me procuraram algum dia, por conta da vivência do que eles acreditam ter sidouma possível exposição” ou uma relação de risco e que

Somatização de Sintomas de Infecção Por HIV

Será que é somatização? O Cláudio fala, mas eu não consigo acreditar! Já fiz 15 exames, mas eles dão reagente. Eu não confio nestas merdas, e o Cláudio? Ah, ele mesmo disse que não é médico….

vêm retornando, com novos riscos e toda a somatização que o medo terrível que esta doença, no passado fatal e hoge, crônica, porém degenerativa e incurável (25 de Setembro de 2018) manifestam, em suas sintomatologias, DOR. A DOR NEUROPÁTICA, relacionada com o HIV precisa de um longo, silencioso, diletante e prolongado trabalho por parte do HIV, demais de duas décadas, eu percebo, para se fazer manifesta e incômoda e, no meu caso, a primeira manifestação da Deficiência Imunológica foi uma meningite viral, possivelmente, e eu creio e lanço hipótese sem base científica, causada pelo próprio HIV que, de terapia em terapia, reflexão em reflexão, eu acabei por concluir que, A BEM DA VERDADE eu contraí HIV na segunda metade da década de oitenta e Deus sabe o quanto posso ter esparzido isso “adiante”!

Tudo o que sei é que nada sei….

E, para o sorriso de Maíra eu digo que, em minha defesa, uma vez consciente desta condição, nunca mais expus qualquer pessoa ao risco.

De certa forma, você que me lê, pode tentar interpretar este texto como parte de minha defesa diante daquele tribunal, daquele que eu tanto falo, onde não se faz acordos e é dado a cada um segundo as suas obras, o que me parece justo, muito  justo, justissimo (*José Wilker – in memorian)

E Eu começo a sentir que minhas referências in memorian começam a se multiplicar e este é o segundo sinal, pois o primeiro é quando começamos a ver que as crianças de nossas mocidades e “vidas adultas” cresceram, e este segundo é que começamos a falar e repetir frases criadas por nossos ídolos, que nem sempre morreram de overdose.   🙂

Place here your content

 

Anúncios
Sobre Claudio Souza do Soropositivo.Org (508 artigos)
😍😍😍😜💫☮Sim, este da foto sou eu ! Minha sobrinha pediu que eu pusesse esta foto m meu perfil !.... Eu tinha aqui uma descrição a meu respeito que, uma pessoa classificou como “irreverente”. Esta é, realmente, uma forma eufêmica de classificar o que estava aqui. Tudo o que sei é que uma “ONG”, que ocupa um prédio de 10 andares estabeleceu uma parceria comigo, e eu tenho os logs do tempo de parceria, que foi mais um vampirismo pois, para cada 150 pessoas que saiam do meu site, clicando no deles, havia, em média, um que entrava. QUANDO ENTRAVA E SE ENTRAVA

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Whatsapp WhatsApp Us
%d blogueiros gostam disto: