Como As Pessoas Com HIV Lidam Com O Estigma?

Você esta em Início => Cláudio Souza E Seus Artigos => Como As Pessoas Com HIV Lidam Com O Estigma?
Cláudio Souza E Seus Artigos

Pessoas com HIV lidam com o estigma o tempo todo, mas este é um “lance” bem mais complicado para pessoas que vivem em cidades pequenas ou as recém diagnostigadas com HIV. Se é seu caso, eu sugiro esta leitura também, para depois. O link abre em outra aba ;-). Se for o caso de uma pessoa ligada a voc~e, é uma boa idéia ler ao que foi diagnosticado acima, bem como este que moistra como compreender melhor a AIDS mas, o tema mesmo é o abaiuxo:

Como As pessoas Com HIV Lidam Com O Estigma?

Enxugando O Gelo!!!!

Resolve?

Geralmente as pessoas se escondem! Infelizmente, é o que algumas pessoas conseguem fazer e, assim, viver, entre aspas, viver na marginalidade! E eu admito que, para muitos, esta seja a única opção, pois elas têm filhos, famílias (isso não basta?…) e precisam manter a coesão econômiva da FA-MÍ-LIA! E, infelizmente, isso parece não bastar.

O Estigma E As Implicações no Mercado de Trabalho

A perda do emprego for, na minha vida pessoal, foi o primeiro desastre e as complicações disso, desastrosas. Em um exemplo pobre, eu não pude encerrear minha carreira de DJ como eu gostaria de ter podido o fazer 🤨😏😒😟😞😔😭.

Eu queria fazer isso, algum  dia. Eu estava cansado da noite em si, mas não das discotecas. Um dos melhores momentos de minha vida, enquanto profissional, foi ser o DJ da SKY, uma casa GLS e isso basta (Beto Volpe certamente concorda comigo, as siglas longas deveriam ficar no ambiente acadêmicos e administrativos da causa).

Mas eu posso contar uma pequena “crônica” de Minha Vida e esta coisa de Lidar com Estigma de Pessoa Vivendo Com HIV.

 

Como se estivessem enxugando gelo!

Por mais que se passe o pano, não seca!!!!!

O preconceito nunca “saiu de moda”! Ele andou escondido, com medo, tinha se tornado politicamente incorreto e o “erro” teria sido banido com a exclusão. E, deuses de Asgard, como é assustadora a solidão, a exclusão!

Em plexo Século XXI, encostando ao inicio da dácada de 30 deste século XXI, porqque ninguém poderá me convencer que a expressão “década de 1940” 🤢 é sensata. Só no “jornalismo deste início de século” se criaria uma aberração idiomática de tal abstração monstruosa como esta! 😏🤨!

Eu peço perdão por antecipação àqueles que, sem intenção, forem ofendidos pelo meu ato de generalização de muitos por uns tantos, mas é muito difícil separar o joio do trigo e ofereço espaço às respostas sensatas e coerentes!














“]


O Item Abaixo Não É Obrigatório. Não O Identifica. Mas Sua Informação me ajuda a prosseguir com o Trabalho




Publicações Relacionadas

Comente e Socialize-Se. A vida é melhor com amigos!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Este Site usa Cookies e você pode recusra este uso. Mas pode saber bem o que está sendo registrado em, conssonãncia com nossa política de privacidade