Infecção aguda por HIV. Um Texto Para Esclarecer Um Ponto Nebuloso

Infecção aguda por HIV
Não são poucas as pessoas que perdem o sono com esta "coisa" de Infecção primária por HIV e janela imunlógica. E, bem sei, a Internet é pródiga em dizer besteiras

Infecção aguda por HIV é um tema para lá de angustiante e doloroso para as pessoas que tem vivenciado o medo de ter contraído HIV. Eu li uma matéria no Universo On Line que trata disso, superficialmente e, embora eu não seja médico ou profissional de saúde, eu não sou idiota e aprendo enquanto vivo e vivo intensa e loucamente! Vede:

Fui me deitar as 23:45, acordei às 2:38 da manhã.

O sono me abandonou, acho que ele não gosta muito de mim e, para que se diga tudo, dormir sempre foi um problema. Um problema que nasceu quando eu ainda era um adolescente e, em uma noite de inverno, eu decidi-me por me deitar sobre as grades do subterrâneo do Copam, pois, eu não saberia explicar, de lá subia ar quente.

Mas…. Alguém me acordou com um chute no abdômen ouvindo um grito estúpido e sem sentido:

Vai trabalhar vagabundo!

E isso era, na verdade, o que eu mais queria. Um trabalho….

Eu sei que muita gente perde o sono por conta deste problema, a infecção primária por HIV e a janela imunológica e, sinceramente, eu espero acalmar os que vivem assim.

Pontos-chave

  • Os sintomas da infecção recente pelo HIV são os mesmos em homens e mulheres.
  • Uma doença semelhante à gripe pode aparecer dentro de um mês de infecção.
  • Os sintomas mais comuns são febre, glândulas inchadas, dores musculares e cansaço.
  • A infecção precoce pelo HIV pode causar sintomas semelhantes aos da gripe.
  • Alguns testes são mais capazes de detectar o HIV após uma infecção recente do que outros.
  • O HIV se multiplica rapidamente durante a fase inicial e enfraquece o sistema imunológico.
  • Iniciar o tratamento logo após o diagnóstico evita infectar outras pessoas e protege o sistema imunológico.
  • A infecção precoce pelo HIV pode causar sintomas semelhantes aos da gripe.
  • Alguns testes são mais capazes de detectar o HIV após uma infecção recente do que outros.
  • O HIV se multiplica rapidamente durante a fase inicial e enfraquece o sistema imunológico.
  • Iniciar o tratamento logo após o diagnóstico evita infectar outras pessoas e protege o sistema imunológico.
  • A infecção precoce pelo HIV pode causar sintomas semelhantes aos da gripe.
  • Alguns testes são mais capazes de detectar o HIV após uma infecção recente do que outros.
  • O HIV se multiplica rapidamente durante a fase inicial e enfraquece o sistema imunológico.
  • Iniciar o tratamento logo após o diagnóstico evita infectar outras pessoas e protege o sistema imunológico.

 

Uma vez infectado pelo HIV, o vírus toma conta do seu corpo multiplicando-se rapidamente. Seu sistema imunológico responde produzindo anticorpos em resposta ao vírus. 

Este período é conhecido como seroconversão. Anticorpos aparecem dentro de uma a duas semanas e continuarão a aumentar nos meses após a infecção. A soroconversão ocorre dentro de três semanas na maioria dos indivíduos infectados.

A soroconversão é frequentemente, mas nem sempre, acompanhada por uma doença semelhante à gripe. Isso acontece em pelo menos metade das pessoas infectadas pelo HIV, mas pode acontecer em 80-90% de todas as infecções. Os sintomas geralmente aparecem dentro de um mês de infecção e tendem a desaparecer dentro de duas a três semanas.

“Esses sintomas não são uma maneira confiável de identificar a soroconversão, diagnosticar a infecção pelo HIV ou descartá-la. Você precisa fazer um teste de HIV”.

  • Os sintomas podem incluir:
  • Febre
  • Glândulas inchadas
  • Dores musculares
  • Cansaço
  • Erupção (geralmente avermelhada, pequenas manchas planas que não coçam)
  • Tordo oral
  • Perda de peso
  • Dores nas articulações
  • Dor de garganta
  • Sintomas gastrointestinais, como vômitos e diarréia
  • Dor de cabeça
  • ou aftas
  • suores noturnos
  • Envolvimento do sistema nervoso (meningite ou encefalite).

Os sintomas mais comumente experimentados são febre, glândulas inchadas, dores musculares e cansaço.

Traduzido por Cláudio Souza, do original em Acute and primary HIV infection  escrito por Krishen Samuel, em maio de 2019

Você recebeu seu diagnóstico reagente e está com medo? Acha que sua vida acabou? Está tendo pensamentos “do tipo sem noção”?

Você precisa recuperar suas esperanças!

Entenda que a minha resiliência foi construída um dia de cada vez, uma enfermidade após a outra, um SUSTO APÓS O OUTRO!

Resiliência não é algo com que você nasce! Você a CULTIVA! Uma queda após a outra. Pois cada queda segue-se inevitavelmente de um novo reerguer!

Em síntese:

Levante-se

Sacuda a poeira!

E De A Volta Por Cima!

Seu médico, sua médica podem fazer muito por você!

Sua família, se te sobrou alguma, porque a mim não sobrou nenhuma, podem ou não, fazer algo por você.

Deus poderia fazer tudo por você!

Mas está em suas mãos a decisão de ir em frente ou sentar-se à beira da calçada!

Você acha que eu falo demais? Leia, por favor, meu histórico médico desatualizado! 🙂 Pode até demorar um pouquinho!

E quanto à Saúde, ela é um Direito de Todos e Um Dever do Estado

Advertisements

Publicações Relacionadas

Comente e Socialize-Se. A vida é melhor com amigos!

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Soropositivo.Org, Wordpress.com e Automattic fazm tudo a nosso alcance no que tange à sua privacidade. Você pode saber mais sobre esta polític nste link Eu aceito A Política de Privacidade de Soropositivo.Org Ler Tudo em Política de Privacidade

%d bloggers like this: