18.1 C
São Paulo
9, dezembro,2019

Exames De Sangue Antes De Iniciar Ou Mudar O Tratamento Contra O HIV

Image default
Artigos, Traduções e Edições
Não se desespere. Há Vida com HIV. Para mim, não havia tratamento, deram-me seis meses de vida. Vinte e cinco anos atrás 🙂

Exames de sangue antes de iniciar ou mudar o tratamento para o HIV

Pontos-chave

  • Antes de escolher um tratamento, o seu sangue deve ser verificado quanto à resistência a diferentes medicamentos.
  • Um teste de carga viral um mês após o início de novos medicamentos anti-HIV fornece informações importantes sobre sua resposta ao tratamento.

Antes de começar a tomar o tratamento para o HIV, ou se você precisar mudar para uma nova combinação, você deve ter um número de exames de sangue. 

Para ajudar a garantir que você comece com uma combinação eficaz de medicamentos anti-HIV, você deve fazer um exame de sangue para ver se o seu HIV tem resistência a qualquer medicamento anti-retroviral. Isso porque é possível que uma cepa de HIV que já tenha desenvolvido resistência a alguns medicamentos seja repassada a alguém que não tenha tomado esses medicamentos.

A sua clínica irá também fazer um teste genético (chamado HLA-B * 5701) para verificar se tem mais probabilidade de desenvolver uma reação alérgica (hipersensibilidade) ao medicamento anti-HIV abacavir (Ziagen, também nas pílulas combinadas Kivexa e Trizivir).).

Exames de sangue antes de iniciar ou mudar o tratamento para o HIV

Sua clínica também testará as hepatites B e C, e fará testes para avaliar seu nível de açúcar no sangue, bem como a saúde do fígado e dos rins. Os resultados desses testes ajudarão você e seu médico a decidir o melhor tratamento para você e quando você deve começar. 

A carga viral e os testes de CD4 informarão sobre a saúde do seu sistema imunológico e se o tratamento está funcionando de forma eficaz. 

Quando você inicia ou altera uma combinação de medicamentos, um teste de carga viral será realizado no primeiro mês, para verificar se o tratamento está funcionando. Depois disso, o teste é geralmente realizado a cada três a seis meses, embora possa ser mais frequente começar com menos freqüência quando você estiver estável no tratamento e se sair bem. 

Se você precisar para o mudar o tratamento antirretroviral  (contra o HIV) porque sua carga viral se torna detectável novamente, sua escolha de novos medicamentos deve ser guiada por outro teste de resistência neste estágio para ver quais medicamentos irão funcionar para você. 

Se você precisar mudar o tratamento porque seu atual tratamento para o HIV não está controlando sua carga viral, é importante que você faça isso em tempo hábil para reduzir o risco de resistência. A rapidez com que você precisa fazer isso dependerá de quais medicamentos anti-HIV estão tomando; sua equipe de saúde discutirá isso com você. 

Mesmo se você tiver resistência a vários medicamentos, a variedade de medicamentos anti-HIV disponíveis agora significa que ainda haverá opções para você. Uma carga viral indetectável é um objectivo realista para quase todos, incluindo pessoas que tomaram muitos tratamentos diferentes no passado e têm vírus resistentes aos medicamentos.

E, De Certa Forma, Isso É Tudo Por Isso Digo Que Há Vida Com HIV

Teste-Se

Uma vez em tratamento para o HIV, você continuará a ter testes para medir a função hepática e renal, e os níveis de gordura (colesterol) e açúcar no sangue, para avaliar quaisquer efeitos dos medicamentos nesses sistemas. Algumas delas são feitas toda vez que você comparece e algumas vezes por ano.

Em algumas situações, o seu médico pode iniciar ou mudar o seu tratamento antes que os resultados de todos os testes sejam conhecidos. Se este for o caso, seu médico deve discutir isso com você. Você ainda deve receber os resultados de todos os seus testes quando eles estiverem disponíveis.

VOCÊ É O DONO DOS DADOS DO PRONTUÁRIO E TEM DIREITO A UMA CÓPIA DELES SEM QUE PRECISAR

Seu atendimento de HIV também envolverá vários outros exames de rotina. Estes irão monitorar sua saúde geral, para ver se o seu tratamento está causando efeitos colaterais.

Eu tenho mantido este Blog, quase que sem ajuda, desde o ano 2000! estamos no final de 2019

Ninguém é tão pobre que não possa ajudar ao menos uma vez. A escolha é sua. E Deus é a testemunha de suas opções

Para Ajudar com R$ 10,00 Para Ajudar com R$ 20,00 Para Ajudar com R$ 50,00Para Ajudar com R$100.00




























O que vem depois da foto não é para você pensar:
“Nossa! Como ele sofreu!.
É para você por em sua cabeça que é possível passar até por bem mais que isso!
Quando escrevo que Há Vida Com HIV é disso e de muito mais que eu falo!!!

Apesar da infecão por HIV, e mesmo que raramente, eu consigo sorrir!

Artigos Relacionados que você pode gostar de ler

Oi! Quer fazer alguma consideração a respeito? Não? Ok! Pense em fazer uma resenha deste assunto

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

A Automattic, o Wordpress e Soropositivo.Org, e eu, fazemos tudo a nosso alcance no que tange à sua privacidade. E estamos sempre aprimorando, melhorando, testando e implementando novas tecnologias de proteção de dados. Seus dados estão protegidos e, eu, Cláudio Souza, trabalho neste blog 18 horas or dia para, dentre tantas outras coisas, garantir a segurança de suas informações, posto que sei das implicações e complicações das publicações aqui passadas e trocadas Eu aceito A Política de Privacidade de Soropositivo.Org Conhecer Nossa Política de Privacidade