Como Saber Se tenho HIV?

0
148

Bem, meus vizinho de prédio sabem, a maioria deles, que sou uma pessoa que porta HIV. Tudo isso, esta revelação, começou no dia que aceitei um maravilhoso convite da Astrid Fontenelle para um dos muitos programas que ela fez em sua vida e, se vocês querem sabr, eu amei, amei e amei Astrid. Uma figura ímpar.

Como Saber Se tenho HIV? O Que fazer para saber se tenho HIV?

Eu encontrei esta pergunta em um dos primeiros relatórios de acesso a meu blog, quando ele ainda era um site, setembro de 2000, nos servidores da Braslink Network. Como uma pessoa que já sabia que era portador de HIV eu vi a pergunta como, de certa forma, boba. Mas esta impressão não durou um minuto.

Percebi a angústia daquelas palavras, embora já fosse o ano 2000 e, sim, já havia um tratamento razoável, que trouxe milhões de nós até aqui, na década de 20 do século XXI, aquela pergunta mostrava a ampla escuridão, uma quase “idade média” da saúde pública em que se vivia com relação ao HIV e, convenhamos, esta coisa pouco, eu diria pouquíssimo, mudou!

Tudo o que tange à saúde sexual e reprodutiva, era e ainda é tabu e é tão complicado que, temos escrever, ainda será, por muito tempo, tabu. E, creio, o risco é de que assim o seja para todo o sempre! Ilustrando. Se não me falha a memória (…) creio que foi em torno de 1991. Eu estava, de visita, na casa de meu falecido pai e assistíamos a um filme bastante pesado, envolvendo crack, outras drogas e degradação humana.
Minha irmã por associação estava assistindo ao filme conosco quando, em uma cena dantesca, um viciado saiu-se com esta fala para o traficante:
-“eu chupo seu pau por uma pedra”! – Ato contínuo o traficante deu um tiro bá cabeça do viciado e, veja como fica, agora, meu pobre coração, por lembrar-me que tenho uma filha que é exatamente isso: Uma nóia.
Bem, a reação de meu pai á cena, com a presença de minha irmã foi t]ão assustadora que eu pensei:
-“Pronto, fu***, ele vai me dar um tiro”!

A Colcha de Chenille Azul

Sexualidade Como tabu. Eu Não Entendo. Papai e mamãe, velho Souza e Dona Helena, fizeram um Muro da vergonha com a colcha de chenile quando eu tinha seis anos e só havia uma cama
Como Saber Se tenho HIV?, Como Saber Se tenho HIV?, Blog Soropositivo.Org
Meninos eu vi!
Não deu. Em uma conversa posterior eu disse a ele:
-“E você acha que ela, com dezesseis anos, não sabe o que é isso? E você crê que existe a remotíssima possibilidade de ela jamais o ter feito? E se ela fez, não é algo dela, um gesto de carinho, paixão ou amor, dela, para com quem quer que seja que ela tenha feito ou, na outra linha, um ato de volúpia pessoal dela, comum e inerente a toda e qualquer pessoa humana que expressa-se sexualmente?
Como Saber Se tenho HIV?, Como Saber Se tenho HIV?, Blog Soropositivo.Org
São dois boxeadores (old school) onde um deles acerta um gancho de esquerda no oponente.

O gancho é um golpe que você dá, que é devastador se você o acerta, pois, seu braço moveu-se, de baixo para cima, atingindo o queixo do oponente com toda a sua potência muscular. O osso que está neste lugar vai dali, do queixo, até a coluna cervical, por ambos os lados.

Ao levar a pancada ele faz este osso funcionar como uma pinça e, digamos, ele dá uma “pinçadinha” na coluna cervical e, temporariamente o lutador perde parte da visão, o controle das pernas e dos braços, que ficam caindo, pense em um homem em franca queda e inexorável demolição.

Em síntese, o cara fica vulnerável a uma tempestade de pancadas (eu já levei uma surra assim) e nada te resta, senão rezar para cair logo, para ver se o sujeito não bate em oponente caído. Eu não bateria. Mas…

O cara que me deu a surra estava putíssimo comigo, pois eu havia rasgado a camisa branquíssima dele e, DJ caído, DJ chutado. Apanhei pencas naquela madrugada e nem sei como foi que aquilo acabou.

Bem, eu lembro de minha cara inchada por dias e dias

Gente, eu não consigo mais pagar fotos a US$ 1,00.

Quem quiser ajudar é abrir uma conta em depositphotos.com e me avisar, depois de remover o próprio cartão de crédito para não haver renovações automáticas e me passar login e senha.

Se você comprar dez fotos, uma vez, você gastará US$ 10,00, algo em torno de R$ 65,00 e terá ajudado muito em meu trabalho, no embelezamento dele.

Mas veja, não espere, com isso, nada além de minha gratidão eterna e, se você desejar, uma referência a seu nome ou deu blog.

Comprar fotos para o blog. Na verdade, nada, absolutamente nada, franqueia minha passagem por sua cama, tenha certeza disso. Tentar isso me fara te odiar. Nada como a honestidade né?

E por três segundos  e quarenta e nove centésimos eu cogitei de, na brincadeira, perguntar a ele se nunca ele, o bãm, bãm, bam, nunca tinha chupado um pênis. Eu imaginei o gancho de esquerda que levaria no queixo e, naturalmente, abstive-me!   😉

O site que eu mantinha diferia do que tenho agora, bem mais difícil de ser atualizado aquele, uma página consumia toda uma semana para ser criada e, hoje, é mais ou menos a mesma coisa, porém, o resultado da criação é bem melhor e, é por isso que, de alguma forma a resposta que eu havia postado a estapergunta perdeu-se em meu site e eu a republico aqui. A resposta a esta angustiante pergunta:

Como Faço para saber se tenho HIV?

O que esperar ao fazer um teste de HIV

O teste é usado para determinar se você foi infectado com o vírus da imunodeficiência humana (HIV). Embora o teste seja comumente realizado com uma amostra de sangue ou saliva, um teste baseado em urina mais recente foi aprovado para uso nos Estados Unidos em 2015.

Embora as opções de teste no local de atendimento e em casa sejam extremamente precisas se usadas corretamente, eles podem retornar um resultado falso-negativo se você testar logo após uma exposição. Sim, sim e sim, você precisa esperar a janela imunológica é de 30 dias e ponto, ok Pandinha (me perdoe por favor, estou troncho de vergonha)

Objetivo do teste Contra o HIV

Estima-se que mais de trinta milhões de pessoas vivam com HIV no mundo e desculpas cínicas não me interessam. Vá se informar se você não tem memória de sofrimento pessoal e respeite estas trinta milhões de famílias. Eu não te darei trégua nisso. Em 2018, 38.686 adultos foram infectados com o vírus. Na África, são incontáveis as famílias cujo o “chefe’ é um menino de sete anos, também contaminado, preparando-se para passar o cetro para a irmã de cinco. DESCULPAS.  O Caralho!

Ninguém, ninguém, pode ser forçado a fazer um teste contra o HIV mas é absolutamente necessário que você tome esta decisão e o faça este teste. No Brasil, para mulheres grávidas, ele é obrigatório e se o médico que cuida de seu pré natal não o pedir, exija-o, isso pode evitar que seu bebê nasça soropositivo.

Quem testar e os eufemismos


O teste a cada três a seis meses pode ser recomendado para pessoas com alto risco de infecção, incluindo:

  • Homens gays ou bissexuais sexualmente ativos
  • Usuários de drogas injetáveis
  • Pessoas que trocam sexo por dinheiro
  • Qualquer pessoa que pratica sexo de alto risco, incluindo sexo sem preservativos ou sexo com múltiplos parceiros
  • Um teste de HIV também pode ser feito depois que a pessoa toma conhecimento da soropositividade de um parceiro e durante uma avaliação médica após a agressão sexual.


Tipos e o que eles avaliam


Existem métodos indiretos e diretos de detecção de HIV. Os métodos indiretos não detectam o vírus, mas sim proteínas, chamadas anticorpos, que são produzidas pelo sistema imunológico em resposta ao vírus. Os métodos de teste direto detectam antígenos (proteínas na superfície do vírus) ou RNA (o material genético do retrovírus).


Existem algumas opções de teste, que variam em velocidade, precisão e facilidade de uso:
Os testes rápidos no local de atendimento podem fornecer resultados preliminares em cerca de 20 minutos. Isso pode exigir uma gota de sangue de seu dedo, um cotonete oral de suas gengivas ou uma amostra de urina. Destes, o método preferido é o teste de combinação de antígeno / anticorpo HIV (Ag / Ab) baseado no sangue.

Testes Podem Buscar Anticorpos (antígenos)


Testes padrão de ponto-de-cuidado são testes baseados em laboratório que detectam apenas anticorpos anti-HIV. Também conhecido como HIV ELISA, o teste requer uma coleta de sangue. Os resultados são geralmente devolvidos dentro de cinco a 10 dias úteis. O teste é menos comumente usado hoje em dia e foi amplamente substituído pela combinação de teste HIV Ag / Ab.
Os testes caseiros rápidos são de anticorpos baseados na saliva que podem ser adquiridos online ou em muitas farmácias de varejo. Embora menos preciso do que um teste de ponto de atendimento, o teste oferece privacidade e pode fornecer resultados em cerca de 20 minutos.4


kits de coleta de casa também pode ser comprado on-line. Este teste de anticorpos requer uma gota de sangue colocada em um cartão de teste, que você envia para um laboratório por correio expresso. Você pode então receber os resultados por telefone ou online em um dia útil após a entrega da amostra.
Os testes de ácido nucléico (NAT) são testes baseados no sangue que detectam o RNA do HIV.

 

Embora caro, o NAT pode detectar o HIV mais cedo do que outras formas de teste e pode ser apropriado se você teve uma exposição recente de alto risco ou está experimentando sintomas agudos de infecção precoce. O NAT também é usado para rastrear sangue doado ou testar recém-nascidos com suspeita de HIV. Os resultados geralmente são retornados em alguns dias.5
Qualquer resultado positivo chamado o positivo-se preliminar requerem um segundo teste confirmatório para garantir o diagnóstico está correto. A única exceção é o NAT, que requer confirmação.

Precisão do teste

Os testes de HIV são altamente precisos se usados corretamente. No entanto, alguns métodos de teste são mais confiáveis do que outros. A coleta ou armazenamento inadequado de amostras também pode prejudicar a precisão de um teste.

Em geral, os testes de ponto de atendimento são mais precisos do que os testes caseiros (devido em parte ao erro do usuário doméstico), enquanto os testes de sangue tendem a ser mais precisos do que os testes de saliva ou urina (devido às concentrações mais altas de HIV em sangue).

As clínicas nos Estados Unidos relatam uma taxa de precisão de 98,5% ao usar um teste de anticorpos e uma taxa de precisão de 99,9% quando é combinado com um teste confirmatório. Isso se traduz em um resultado falso-positivo para cada um entre 250.000 testes. Os testes de geração mais recente prometem resultados ainda melhores.

Procure fazer o teste em um momento em que você esteja saudável. Mesmo uma gripe pode gerar problemas

Certas doenças também podem desencadear um resultado de teste falso-positivo, o que significa que o teste dá positivo para HIV enquanto a pessoa não está realmente infectada. As doenças que podem desencadear um falso positivo incluem sífilis, lúpus e doença de Lyme. Os testes de confirmação quase sempre eliminarão esses achados incorretos.

Riscos e contra-indicações

Não há contra-indicações para o teste de HIV e existem poucos riscos. Se for necessária uma coleta de sangue, você poderá sentir dor, inchaço e hematomas no local da injeção. Tontura e infecção também são possíveis.


Se você tem medo de agulhas ou tem receio de sangue, avise a enfermeira ou o flebotomista com antecedência. Outras opções de teste podem estar disponíveis. Além disso, se você tem hemofilia ou está tomando anticoagulantes, uma agulha tipo borboleta do pode ser usada para reduzir o risco de sangramento.


Antes do teste


O teste de HIV não requer preparação além da sua prontidão para fazer o teste. Não é necessário jejum, não é necessário nenhum preparo, exceto o peparo emocional.

Aqui eu vou pontuar algo. O Beto volpe tem feito o trabalho de conversar com as pessoas que buscam suporte pelo Whats App, e eu dou graças a deus por ele gostarn tanto de fazer iss que o faz voluntariamente. Outro dia o abordou uma pessoa, do esato de Minas Gerais, que fez o teste em um laboratório particular, que alguns “profissionais e saúde recomendm veementemente” e o moço simplesmente “savou” o resultado pela Internet e, sem a presença de uma só viva alma a seu lado leu, em seus resultados?

HIV: REAGENTE

Isso, para mim, é coisa de gente louca ou irresponsável. Louco não são, pois cobram o valor do teste e o cobram bem. Portanto, é coisa de irresponsáveis, pois é impossível prever como uma pessoa reagirá diante deste resultado. Um ex-patrão meu, um pilantra e sacripanta, recebeu o resultado e, sem nada melhor a fazer, espancou o infeliz que eu o resultado. MENINOS, EU VI!

No caso deste moço, ele teve, graças a Deus, a presença de espírito de procurar ajuda na Internet e encontrou este blog e, neste blog, o Beto Volpe, versadíssimo na arte de equilibrar os sete pratos nas sete varinhas!

O Estigma

Com isso dito, o HIV continua sendo uma doença altamente doença estigmatizada, e as pessoas frequentemente evitam o teste de HIV por medo de revelação.
Se você está preocupado com sua privacidade, encontre uma clínica que ofereça testes confidenciais (em que seu nome é compartilhado apenas com seu provedor de saúde, sua seguradora e uma agência governamental) ou testes anônimos (onde seu nome é compartilhado sem 1).


Tempo antes do Teste a janela imunológica.

O tempo é uma parte importante do teste de HIV. Se você foi infectado pelo HIV, haverá um período de tempo, denominado período de janela, janela imunológica,o terror e dram infindável de muitos! Panda, pandinha, me perdoe por favor. Durante este período até que se formem anticorpos suficientes para a detecção o teste não fornecerá um resultado correto e, se você estiver contaminado, acabara por receber um falso negativo, um resultado impreciso, voltara à normalidade de sua vida e, talvez, transforme-se em um vetor. E este é mais um motivo ara você usar camisinha senpre. Sempre, sempre e sempre! 

Sempre use preservativo


Como os testes de HIV geralmente detectam anticorpos e / ou antígenos, você precisa esperar até que seu corpo produza o suficiente para obter um resultado positivo. Se você testar muito cedo, obterá uma leitura falso-negativa. Mesmo com o NAT, você precisa esperar até que o vírus se replique para níveis detectáveis.
Como os níveis detectáveis podem variar de acordo com o indivíduo, a maioria das clínicas irá aconselhá-lo a esperar para fazer o teste de HIV após possível exposição:
Uma a três semanas antes de fazer um NAT
Um mês antes de fazer uma combinação de teste Ag / Ab de HIV
Três meses antes de fazer qualquer um dos outros testes de HIV
O procedimento, envolve três etapas: aconselhamento pré-teste, teste de HIV e aconselhamento pós-teste. Dependendo do teste que está sendo executado, o processo pode levar de 30 a 45 minutos. Os centros de atendimento podem demorar muito mais.
Os testes de HIV locais estão disponíveis em muitas instalações médicas e de saúde pública. Isso inclui hospitais, clínicas, farmácias de varejo, organizações de HIV baseadas na comunidade, clínicas pré-natais e de planejamento familiar, centros de acolhimento para jovens, locais de teste móveis e centros de tratamento de drogas e álcool.
Para encontrar um site de teste perto de você, use o localizador online oferecido pelo Departamento de Saúde e Serviços Humanos dos EUA. Muitos dos sites oferecem testes walk-in. Outros requerem uma consulta.
Comida e bebida
Não há restrições de comida ou bebida para um teste de HIV. No entanto, se você estiver usando um teste oral em casa, evite escovar os dentes ou fazer bochechos 30 minutos antes, pois isso pode afetar os resultados.
O que levar
Mesmo se você estiver passando por um teste anônimo, a instituição pode exigir uma identificação emitida pelo governo para confirmar sua residência. Ligue com antecedência para obter detalhes. Você também deve verificar se eles aceitam seu seguro, se você tiver um plano. Se sim, traga o seu cartão do seguro.
Você também pode levar alguém com você se não tiver certeza de como reagiria a um diagnóstico de HIV positivo. Ter apoio pode ser muito importante.

Leis de divulgação de HIV
Independentemente de o seu teste de HIV ser anônimo ou confidencial, qualquer resultado positivo do teste será relatado ao departamento de saúde local que, no que lhe concerne, divulgará estas informações – sem o seu nome – ao Ministério da Saúde. A informação não é compartilhada com nenhuma outra agência governamental.
Um resultado positivo também pode ser compartilhado com o médico que o encaminhou para o teste. Não pode ser compartilhado com qualquer outro médico ou agência sem o seu consentimento expresso por escrito. Naturalmente o SUS também receberá este diagnóstico e os médicos encarregados dos cuidados que serão necessários à atenção à sua saúde.
Se pessoas tentarem chantagear você para não revelar seus resultados, isso é crime e você deve reresentar na justiça contra estas pessoas. São assuntos jurídicos e, neste momento, este blog não tem, como te orientar.
Procure a assistente social de seu centro de saúde e, sobetudo, consulte um advogado de sua confiança se você considerar necessário
Outras considerações
É um erro pensar que não há nada que você possa fazer após sido exposto ao HIV recentemente. Se você fez sexo sem preservativo, compartilhou agulhas ou teve alguma outra forma dede exposição de alto risco, você pode evitar a infecção iniciando a profilaxia pós-exposição ao HIV (PEP) dentro de 72 horas. Este é um tema qe eu endossso.
A PEP envolve um curso de 28 dias de dois ou três medicamentos antirretrovirais. Em geral, é usada por profissionais de saúde e em casos de estupro, a estratégia pode reduzir o risco de infecção em até 79%.6
Saiba mais aqui: Profilaxia pós-exposição ao HIV – [em tradução]
O que esperar durante o teste contra a Presença do HIV
No dia do teste, após registrar, você será solicitado a assinar um formulário de consentimento reconhecendo que os resultados do seu teste podem ser compartilhados com as agência e indivíduos relevantes.
Fale com a administração do escritório se você não entender nenhuma parte do formulário de consentimento.
Muitos sites também pedem que você preencha um questionário para obter algumas informações básicas sobre você, incluindo sua etnia, orientação sexual, atividade sexual e uso de substâncias, e se você já fez um teste de HIV antes. Algumas das informações serão usadas para fins de relatórios confidenciais; alguns para auxiliar no aconselhamento.
O Aconselhamento
O aconselhamento pré-teste é realizado em uma sala privada com um profissional de saúde qualificado. Durante o aconselhamento, você pode ser questionado sobre a exposição recente, se houver, bem como sobre suas práticas sexuais ou recreativas com drogas. As perguntas não pretendem julgar ou embaraçar você; em vez disso, ajudam o conselheiro a compreender melhor o seu risco pessoal de infecção.

Quando eu fui fazer meu teste confirmatório, bem ali, no CRT-A, eu já tinha um “resultado preliminar” em minhas mãos e soube que teria de participar de uma palestra. Recordo de ter pensado- Com os seiscento mil diabos! Por que, afinal, eu preciso de uma p**** de uma palestra, se o pior de tudo eu já sei. Respondendo as perguntas do palestrante, meu leitor, eu vi o quão ignorante eu estava a respeito de tudo aqui e, por favor, a palestra não dura uma hora! Segure sua onda, mantenha a peteca no ar e prestre muita, muitíssima atenção a palestra. A analogia do trem sem freios descendo a montanha eu aprendi ali, buscando compreender melhor a doença.
O palestrante então explicará o que é HIV e AIDS, como o teste é realizado, o que é um período de janela imunológica e o que significam resultados reagentes (positivos) e não reagentes (negativos).
Eu pego o gancho para clarear algumas coisas e colocar minha experiência. As pessoas foram criadas por Deus simples e ignorantes, não há mal nisso! Mas muitos são os que me perguntam o que é, com a voz confrangida, este reagente!
Parece uma pergunta tola e, eu diria que sim, é tola para mim, para Mara, para você que vem aqui há mais tempo, para o profissional de saúde que me honra com sua atenção. Mas não para a pessoa que, do nada, recebe um resultado reagente.
Neste dia 13 de novembro de 2020 eu completei mais um ano de conformação, de conscientização sorológica e lembrei-me de toda a dor, medo e do caos instalados entro de mim. Eu não tive dúvidas com relação ao resultado.
O teste reagiu à presença de anticorpos anti-HIV. Mas, para algumas pessoas, quando elas recebem o resultado não reagente a impressão que elas têm é de estarem com um organismo tão debilitado que se tornou incapaz de reagir a toda e qualquer doença.

Janela Imunológíca: Se for determinado que você está fazendo o teste muito cedo, o conselheiro pode solicitar que você volte quando o teste tiver maior probabilidade de ser preciso. O ideal é esperar pelo menos trinta dias. Após este período, o resultado será definitivo em 99.9 dos casos e não é possível, sob o ponto de vista estatístico, que uma sequência de exames não reagentes esteja errada. Nem todos os sintomas do mundo, perfeitamente somatizados, podem gerar esta sequência de erros. Eu cito este trecho de uma matéria do El Pais:

Se a preocupação começar a consumir você, lembre-se de que existe um tratamento eficaz e maneiras de pagá-lo qualquer que seja sua renda.
Se você não conseguir lidar com a situação e não tiver alguém com quem conversar, ligue para a linha gratuita de 24 horas, linha direta HIV em seu estado para obter encaminhamento a um conselheiro qualificado em sua área.

Interpretando os resultados
O tempo que leva para obter os resultados pode variar. Muitos estados determinam que os resultados dos testes sejam entregues apenas pessoalmente. Embora alguns estados permitam que os médicos forneçam resultados negativos pelo telefone, a prática é desaprovada pela maioria dos profissionais de saúde, uma vez que não permite o aconselhamento pós-teste adequado e apresenta o potencial de quebra de sigilo que você tem testado (algo que você não deseja compartilhar). Os resultados do teste de HIV não são enviados por correio.
Os resultados do teste são interpretados da seguinte maneira:
Se o teste preliminar não for reativo, você é HIV negativo, o que significa que você não foi infectado ou fez o teste antes do tempo. Embora você não precise de mais testes (a menos que o momento do seu teste não seja o ideal), você será informado sobre as formas de reduzir o risco futuro e se testes de rotina são necessários se você estiver sob alto risco de infecção.
Se o teste preliminar for reativo, o resultado é considerado positivo preliminar. Para confirmar o resultado, o laboratório usará um teste mais sofisticado chamado de teste de diferenciação de HIV e possivelmente o NAT. Se os testes de confirmação forem não reativos, você pode ter certeza com um alto nível de confiança de que é HIV negativo.
Se seus testes preliminares e confirmatórios forem reativos, você é HIV positivo, o que significa que foi infectado pelo HIV. O aconselhamento pós-teste será focado em suas necessidades emocionais e médicas.
O aconselhamento pós-teste é sempre realizado, independentemente dos resultados do teste. O objetivo do aconselhamento é duplo: ajudá-lo a compreender o que significam os resultados e fornecer-lhe as informações sobre “o que vem a seguir” para se manter seguro e saudável.
Um resultado de teste de HIV positivo pode ser compartilhado com o CDC, sua seguradora, ou seu médico, ou certos indivíduos de acordo com as regras com as quais você concordou antes do teste. Se sua confidencialidade for violada, você pode registrar uma reclamação no Departamento de Saúde e Serviços Humanos e buscar danos legais conforme as leis de seu estado.
Acompanhamento
Ao receber um diagnóstico de HIV positivo, você será informado de que existem opções de tratamento e sistemas de apoio para conectá-lo a cuidados médicos. Você também pode ser encaminhado a um navegador de cuidados que pode ajudá-lo com referências e quaisquer serviços financeiros, emocionais, familiares, jurídicos ou de tratamento de drogas de que você precise.
Se você se sentir confuso, pode pedir para discutir essas coisas outro dia ou usar o tempo para fazer quantas perguntas precisar. Chegar a um acordo com um diagnóstico de HIV é um processo. Não se sinta apressado.
No entanto, se você está pronto para prosseguir e o teste foi realizado em uma clínica ou hospital, pode ser solicitado que você faça testes adicionais chamados contagem de CD4 e carga viral do HIV. A contagem de CD4 mede o número de células imunológicas (chamadas células T CD4) no sangue e ajuda a estabelecer a força do sistema imunológico. A carga viral usa tecnologia semelhante ao NAT e conta quantos vírus existem em um microlitro (µL) de sangue.
Ambos os testes ajudam a estabelecer seu estado inicial antes do tratamento e serão repetidos rotineiramente para avaliar sua resposta à terapia.
O tratamento do HIV deve, idealmente, ser iniciado no momento do diagnóstico. Testes genéticos podem ser usados para identificar quais drogas funcionam melhor para você. A terapia medicamentosa em si normalmente envolve uma dose diária e, se tomada conforme prescrito, pode garantir uma qualidade de vida normal e uma expectativa de vida quase normal.
Você terá avaliações médicas contínuas para monitorar sua condição pelo resto de sua vida, cujo cronograma será determinado pelo seu médico.
Um diagnóstico de HIV positivo não significa a mesma coisa que antes. Os avanços na terapia do HIV permitem que agora você viva uma vida longa e saudável e nunca se depare com a perspectiva de uma doença séria relacionada ao HIV ou AIDS.

Uma palavra de Verywell
Receber um diagnóstico de HIV pode ser um evento de mudança de vida, e geralmente não há como saber como você reagirá às notícias. Seja qual for a sua resposta, aceite que é normal. Algumas pessoas podem até sentir uma sensação de alívio por não terem mais que se perguntar sobre seu status. Conhecendo o seu estado de HIV, você pode fazer uma escolha informada sobre como proteger outras pessoas da infecção e você mesmo contra a reinfecção.
Isso não significa que viver com o HIV não tenha seus desafios. Se você estiver tendo problemas para lidar com a situação, considere entrar em um grupo de apoio ou procurar aconselhamento individual de um terapeuta qualificado.
Por outro lado, se você estiver passando por extrema depressão ou ansiedade, peça encaminhamento a um psiquiatra, que pode lhe oferecer medicamentos e terapia para ajudá-lo a lidar melhor com a situação

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.