Em busca da cura:  Remissão da infecção por HIV e controle de Pós-tratamento de longo prazo sugere possibilidade de cura funcional

Image default
AIDS CD4 > 500 controladores de elite
   

, SoropositivoOrgUma jovem mulher que estava infectada com o HIV no nascimento de sua filha e recebido de terapia antiretroviral (TARV) muito cedo bem como um bebê têm mantido uma carga viral abaixo do limite de detectabilidade de testes padrão por mais de doze anos após a suspensão do tratamento, derramando mais luz sobre o “controle pós-tratamento ” como uma potencial estratégia de cura funcional.

Em 2014, pesquisadores relataram decepcionante notícia na busca de uma cura de HIV. A “Mississippi Baby” — uma criança que  levou muitos peritos a pensar que a menina poderia ter sido do HIV — foi encontrada ainda portadora do vírus e um par de pacientes submetidos a transplante de medula óssea em Boston; houve rebote viral vários meses após a interrupção do tratamento experimental. Isso deixa Timóth Brown, O paciente de Berlim, como a única pessoa que ainda parece ter sido curada do HIV.

Durante a  Conferência International AIDS Society em Julho, Asier Saez-Cirion do Institut Pasteur de Paris Descreveu o caso de uma jovem mulher, que nasceu de uma mãe HIV positiva com uma elevada carga viral, a quem foi dada manutenção preventiva com zidovudina (AZT) logo após o parto, mas no entanto se tornou soropositiva. Ela começou a combinação TARV 3 meses após o nascimento, mas cerca de 6 anos depois ela foi retirada do cuidado coma TARV. Quando ela retornou ao centro clínico um ano mais tarde ela tinha carga viral indetectável e mantivemo-la sem tratamento. Agora, desligada da TARV por mais de doze anos, a mulher tem níveis indetectáveis de carga viral plasmática de acordo com testes padronizados e sua contagem de CD4 permanece elevada e estávelcontagem de CD4 permanece elevada e estável, mas os investigadores puderam detectar a replicação do DNA do HIV em suas células.

Saez-Cirion disse este é o primeiro caso conhecido de remissão de muito longo prazo do HIV  em uma pessoa infectada em torno do nascimento e tratadas precocemente — cerca de dez anos mais do que o bebê de Mississippi.

Com efeito, tais controles pós-tratamento aparecem de forma muito rara. Saez-Cirion tem seguido a um grupo de franceses adultos num estudo conhecido como o coorte de VISCONTI que iniciaram o tratamento na fase aguda ou precoce da infecção pelo HIV, interrompendo-o em seguida, e que tem mantido a terapia indetectável de carga viral plasmática. Mas elas não são livres de DNA do HIV em suas células T e noutros partes do corpo.

Um Estudo apresentado em ID Semana Em Outubro verificou que apenas 4 indivíduos num grupo de  quase 5 mil pessoas que recebem cuidados em saúde militar dos EUA mostrou controle imunológico do HIV após o arranque da TARV, atingindo supressão viral e a interrupção do tratamento.

Ao contrário dos “controladores de elite” , que têm uma forte resposta imune ao HIV e mantém baixa a carga viral sem tratamento, o estudo francês e alguns pacientes na  coorte VISCONTI parecem ter uma invulgarmente fraca resposta ao vírus. Isto pode ser vantajoso, como seu repouso de células T não ser ativado e eles podem evitar a inflamação persistente normalmente observada em pessoas com HIV não tratadas. Isto sugere que a acalmar a resposta imune ao HIV — em vez de reforça-la — pode ser uma abordagem para alcançar uma  cura funcional.

Publicado na quinta-feira, 30 de Dezembro de 2015 00:00

Escritos por Liz Highleyman

Asier Saez-Cirion em 2015 IAS para uma reunião de cura HIV

Traduzido por Cláudio Souza do original em Long-term HIV Remission and Post-Treatment Control em AIDSMAP.COM

Revisado por Mara Macedo em 3 de Janeiro de 2016

Se você é usuário de Natura Compre Conosco

 

Este é um trabalho feito com amor, dedicação, carinho e um 1⃣ senso de responsabilidade! Ele gera custos e despesas! 

Apoie neste link https://www.natura.com.br/?consultoria=claudiosouzaebeleza

E logo abaixo um formulário em que você possa mandar uma mensagem para mim!

Doe R$ 10,00 Doe R$ 50,00 Doe R$ 100,00

 

, SoropositivoOrg
Se você pode e quer, por favor, ajude
, SoropositivoOrg

E não foi dentro de uma “zona temporal de conforto”! Esta é uma história que só eu a tem para contar!

Fui a primeira pessoa física, um CPF, não um CNPJ a, entre aspas, “dar minha cara a tapa”!

Por tudo o que vivi, isso tudo aconteceu em um período ainda conturbado pelo preconceito e, sim, houve preços a serem pagos.

A moeda sempre foi a da exclusão social e cheguei a titubear entre prosseguir ou não!

O grande “IT” de tudo isso é que sem este trabalho nada me restaria, senão o  ócio e com toda a certeza não suportaria. Tenho a necessidade de ser produtivo.

We are Borg!

Se não de tédio pelas horas vazias, ao menos por suicídio pela absoluta falta de propósito que minha vida teria e a terrível impressão de parasitose que viria a me acometer. Assim, eu não pude parar.

Tive a oportunidade de realizar muitas coisas e, na outra mão, perdi diversas oportunidades de fazer mais, com um alcance mais profundo e melhor.

Nem tudo é como se quer. Deixa chover (Guilherme Arantes)!

Enfim, se você tem a possibilidade de apoiar, de financiar, mesmo que minimamente este projeto, eis aqui os fatos:

, SoropositivoOrg
Este é o Único Blog ” Ainda ON LINE” a ter recebido este prêmio e esta consagração. O blog que alcançou o mesmo Status foi o Solidariedaids, de Paulo Giacommini. Infelizmente eu não consigo encontrar o link e a comunicação este eu e ele é muito difícil
  •  
, SoropositivoOrg
Único Blog On Line Tratando deste tema a Ter Recebido Este Prêmio pelo Júri Acadêmico

, SoropositivoOrg

Leitura Recomendada Neste Blog

Oi! Pessoal, obrigado por ter chegado até aqui! Sua atenção e interesse é o nosso maior interesse, trabalhamos aqui, eu e mara, com a finalidade de informar vocês, far alguma clareza em alguns pontos nebulosos de “tudo isso”.

Entretanto, nos faltam recursos financeiros

Se você gosta do trabalho, se tem condições de ajudar e quer ajudar, muitas vezes o custo de uma bobagem do seu dia-a-dia para nós, certamente fará a diferença porque, sabemos, o beija-flor, carregando água na pontinha de seu bico fará toda a diferença no esforço de apagar o incêndio na floresta!

Pense nisso!

Logo abaixo alguns recursos para facilitar o apoio!

Sugestões de leitura

Tem algo a dizer? Diga!!! Este blog é melhor contigo!!!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

A Automattic, o Wordpress e Soropositivo.Org, e eu, fazemos tudo a nosso alcance no que tange à sua privacidade. E estamos sempre aprimorando, melhorando, testando e implementando novas tecnologias de proteção de dados. Seus dados estão protegidos e, eu, Cláudio Souza, trabalho neste blog 18 horas or dia para, dentre tantas outras coisas, garantir a segurança de suas informações, posto que sei das implicações e complicações das publicações aqui passadas e trocadas Eu aceito A Política de Privacidade de Soropositivo.Org Conhecer Nossa Política de Privacidade

Whatsapp WhatsApp Us