Há Vida Com HIV

veja! Há vida com HIV

Apoie com um pix

Rash cutâneo, ou  Erupção Cutânea Com Fotos

A imagem assusta. Bem o sei. Mas é preciso exibir para dar a entender. É zóster na região to tronco e abdômen. Nadja Kendall, uma grande amiga e grande produtora de shows, que se apavorava ao me entregar os roteiros e ver-me rasga-los (hua, hua, hua) padeceu disso, mas em grandes proporções. No final, já não me reconhecia :-(

Rash cutâneo, ou  erupção cutânea  é comum durante o curso de uma infecção por HIV e as causas podem ser tão variadas quanto as próprias erupções cutâneas. Muitas pessoas usam o termo “erupção do HIV” para descrever um surto cutâneo (pele) que ocorre como resultado de uma nova infecção.

Rash Cutâneo E Erupção Cutânea Podem Ser Sinais de Infecção Por HIV…

Embora a erupção cutânea possa, de fato, ser um sinal de infecção precoce, apenas duas em cada cinco pessoas desenvolverão esse sintoma. No final, não existe uma única erupção cutânea nem uma causa única para a erupção cutânea, ou rash cutâneo, em pessoas com HIV. Note que existe uma lista imensa, uma miríade de outras causas possíveis para o rash cutâneo e a erupção cutânea.

Não tire conclusões precipitadas. Só o teste contra a Presença de HIV, após transcorrida a janela imunológica poderá definir, de uma vez por todas, se você é, ou não, uma pessoa vivendo com HIV.

Há Vida Com HIV

O simples fato é que a erupção pode ocorrer em qualquer estágio da infecção. Identificar a causa – seja relacionada ao HIV ou não – requer um exame completo e uma avaliação da aparência, distribuição e simetria do surto.

A Erupção Cutânea relacionada ao HIV Ou Rash Cutâneo relacionado ao HIV

Rash Cutâneo

Biblioteca Nacional de Medicina / Institutos Nacionais de Saúde dos EUA

Um surto de erupção cutânea pode ocorrer como resultado de uma infecção recente por HIV e geralmente aparece duas a seis semanas após uma exposição como resultado daquilo que é chamado de síndrome retroviral aguda (ARS) .1

A erupção é descrita como maculopapular. O termo mácula descreve as manchas achatadas e descoloridas na superfície da pele, enquanto a pápula descreve as pequenas saliências salientes.

Embora muitas doenças possam causar isso, uma ARS a erupção geralmente afeta a parte superior do corpo, às vezes acompanhada de úlceras na boca ou nos órgãos genitais. Sintomas semelhantes aos da gripe também são comuns.

Os surtos geralmente resolvem em uma a duas semanas. A terapia anti-retroviral deve ser iniciada imediatamente assim que a infecção pelo HIV for confirmada.

Dermatite seborreica Outra Forma De Rash Cutâneo

Outro tipo (manifestação) de rash cutâneo é a dermatite seborreica é uma das doenças de pele mais comuns associadas à infecção pelo HIV, ocorrendo em mais de 80% das pessoas com doença avançada por HIV ou AIDS já estabelecida (sofri um pouco com dermatite seborreica e só encontrei solução com um determinado shampoo, nada acessível, receitado por uma dermato após meses de tentativas).

No entanto, não é incomum para tal erupção a aparecer em pessoas com mesmo imunossupressão moderada quando a contagem de CD4 está em torno de 500.2

A dermatite seborreica é uma doença inflamatória da pele que afeta geralmente o couro cabeludo, face e tronco.

No caso do degas aqui (eu), chegou a afetar sobrancelhas, região onde existe a “hipótese de um bigode  e a hipótese de um cavanhaque”. Houve, sim, um avanço infeliz pelo meu tórax e, digamos, ladeira abaixo; tive de tomar providências sérias, antes que acabasse careca!

Geralmente aparece em partes mais oleosas da pele, manifestando-se com vermelhidão leve, descamação amarela e lesões cutâneas escamosas. Peles oleosas como a minha parecem com maior frequência deste problema, segundo explicou a dermato.

Espinhas, Acnes e Cravos podem ser confundidos com Erupções cutâneas. Não são!

Entretanto e contanto, porém e contudo, não são rashs cutâneos em hipótese alguma!

Em casos mais graves, pode causar espinhas escamosas ao redor do rosto e atrás das orelhas, bem como no nariz, sobrancelhas, tórax, parte superior das costas, axilas e dentro da orelha. As causas da erupção não são totalmente conhecidas, embora uma função imunológica diminuída seja um fator-chave exaustivamente comprovadamente observado.

Os corticosteroides tópicos podem ajudar em casos mais graves. Pessoas com HIV que ainda não estão em tratamento devem receber terapia antirretroviral imediata para ajudar a preservar ou restaurar a função imunológica.

Medicamentos

O Rash Cutâneo Como reação de hipersensibilidade a medicamentos.

As erupções cutâneas podem se desenvolver como resultado de uma reação alérgica a certos medicamentos, incluindo antirretrovirais e antibióticos para HIV. Eles tendem a aparecer uma a duas semanas após o início do tratamento, embora possam se manifestar em apenas um a três dias.

O surto de erupção cutânea pode assumir várias formas, mas é mais comumente morbiliforme, o que significa que tem uma aparência semelhante ao sarampo. Tende a se desenvolver primeiro no tronco e depois se espalhar para os membros e pescoço em um padrão simétrico.

Em alguns casos, a erupção também pode ser mais maculopapular na apresentação, com manchas extensas de rosa a vermelho cobertas por pequenas saliências que exalam uma pequena quantidade de líquido quando pressionadas. As hipersensibilidades, bem como reações a medicamentos podem, em determinadas ocasiões, virem a  ser acompanhadas por febre, aumento dos gânglios linfáticos bem como dificuldades respiratórias.

Ziagen (abacavir) e Viramune (nevirapina) são dois medicamentos para o HIV que apresentam o maior risco de hipersensibilidade ao medicamento, embora qualquer medicamento tenha potencial para tal reação.

A suspensão do medicamento suspeito geralmente resolve a erupção em uma a duas semanas, se não for complicada. Corticosteroides tópicos ou anti-histamínicos orais podem ser prescritos para ajudar a aliviar a coceira.

A Gravíssima Síndrome de Stevens-Johnson

A síndrome de Stevens-Johnson (SJS) é uma forma potencialmente fatal de hipersensibilidade a medicamentos, caracterizada por sua apresentação “raivosa”.3

A erupção cutânea é uma forma de necrose epidérmica tóxica na qual a camada superior da pele (epiderme) começa a se desprender da camada inferior da pele (derme).

Acredita-se, sem maiores comprovações, é fato, que a SJS possa ser um distúrbio imunológico desencadeado por uma infecção, medicamento ou pela associação de ambos. A SJS geralmente começa com febre e dor de garganta por volta de uma a três semanas após o início da terapia. É logo seguido por úlceras dolorosas na boca, genitais e ânus.

Lesões redondas e irregulares com cerca de uma polegada (2,5 centímetros) de diâmetro começarão a se desenvolver no rosto, tronco, membros e solas dos pés. A erupção é geralmente disseminada, manifestando-se com bolhas que geralmente se fundem em uma crosta que ocorre ao redor de erupções abertas (especialmente ao redor dos lábios).

O tratamento deve ser interrompido imediatamente após as primeiras manifestações de sintomas ae SJS aparecerem. O atendimento de emergência é obrigatório, o que pode incluir antibióticos orais, fluidos intravenosos e tratamentos para prevenir danos aos olhos. SJS carrega uma taxa de mortalidade de 5 por cento.

Viramune Pode Criar Problemas

Viramune (nevirapina) e Ziagen (abacavir) são os dois antirretrovirais mais associados ao risco de SJS, embora muitos outros medicamentos (incluindo antibióticos sulfa) sejam conhecidos por desencadear uma resposta de SJS.

O rash é comum durante o curso de uma infecção por HIV e as causas podem ser tão variadas quanto as próprias erupções cutâneas. Muitas pessoas usam o termo “erupção do HIV” para descrever um surto cutâneo (pele) que ocorre como resultado de uma nova infecção.

Embora a erupção cutânea possa, de fato, ser um sinal de infecção precoce, apenas duas em cada cinco pessoas desenvolverão esse sintoma. No final, não existe uma única erupção cutânea nem uma causa única para erupções cutâneas. Muito embora ela também possa ser uma maniestação da infecção primária por HIV ou, ainda, um sinal de doença avançada por HIV

O simples fato é que a erupção pode ocorrer em qualquer estágio da infecção. Identificar a causa – seja relacionada ao HIV ou não – requer um exame completo e uma avaliação da aparência, distribuição e simetria do surto.

Traduzido Por Cláudio Souza do Original em Defining Features of a Maculopapular Rash em 05 de dezembro de 2020.

Há vida com HIV. E se tudo ficar mais difícil não desista! Persista e insista! A resiliência é construção diária!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Converse com Cláudio Souza