Nove Mitos sobre as Mulheres e o HIV

Image default
Artigos, Traduções e Edições

, Blog Soropositivo. OrgMitos são coisas extremamente duvidosa e ambíguas. Eles servem apenas para espalhar a desinformação e levar você desviar-se dos fatos. Quando se trata de mulheres e HIV, o mito pode ser uma coisa muito perigosa . Aqui estão nove mitos sobre as mulheres e o HIV e as verdades que devemos estar se espalhando.

MITO: A mulher pode saber se um homem é HIV positivo.

É muito pouco provável que você seja capaz de dizer se um homem é HIV positivo. Pode demorar anos para apresentar sintomas que efetivamente demonstrem isso, e até mesmo esses sintomas podem não chamar imediatamente a atenção ao HIV. 

Não ter sexo e ter sexo seguro são as únicas formas de lutar contra a transmissão.

MITO: se uma mulher é soropositiva e tem um bebê, o bebê vai ser soropositivo.

Bem… se você estiver consciente de seu status sorológico, e no Brasil o teste de HIV é obrigatório para grávidas, no início de sua gravidez, e haverá uma chance menor que dois por cento  que seu bebê nasça HIV positivo.

Nos Estados Unidos, o risco sobe cerca de 25% sem tratamento. Se você estiver grávida será testada.

MITO: A mulher não pode transmitir o HIV para o homem.

É bem mais difícil que o homem contraia o HIV mas é perfeitamente possível. [Nota do Tradutor: Eu contraí HIV de uma moça com a qual tive seis meses de relacionamento sexual que não era intenso. Era intensivíssimo].

Durante o coito, o HIV pode entrar num corpo do homem através da ponta do seu pênis (a glande) ou por quaisquer cortes, feridas ou outras aberturas, que podem ser provocadas até mesmo durante uma relação sexual mais intensa. A chance de transmissão são ainda maiores se a mulher é diagnosticada e transportando uma carga viral elevada  e se um homem estiver sem um tratamento, como uma das várias infecções sexualmente transmissíveis .

MITO: se uma mulher contrai HIV, todos os seus amigos e família vão rejeitá-la.

É possível que  alguns familiares e amigos  possam ter dificuldade ao manusear esta informação. Mas as pessoas que valem a pena que permaneçam em sua vida vão entender, mesmo que demore um pouco. Não compartilhar seu status pode ser uma incrível carga para transportar. Só sei que as pessoas que a amam vão dar o seu apoio, mesmo se isso significa construir um novo círculo de “família” e amigos.

MITO: se uma mulher contrair HIV, todos vão culpa-la.

A ignorância é um dos adversários mais perigosos quando se trata de HIV/AIDS. Algumas pessoas podem acusá-la e considerarem você culpada de contrair HIV; e haverá, ainda, outras que a , Blog Soropositivo. Orgjulgarão duplamente se você tiver contraído o HIV de seu marido e, num gesto sublime, perdoar e cuidar dele. Mas isso é com eles, e não com você. Ninguém merece contrair o HIV e ninguém merece ou procura ficar doente, exceto se já estiver mentalmente doente e isso é mais um caso para a psiquiatria do que para julgamentos; Torquemada está morto e queimando no Inferno há muito tempo. Se alguém acusa uma mulher de não se proteger, ele ou ela deveriam considerar, antes, como ele ou ela se sentiriam se a situação fosse invertida.

MITO: A mulher casada ou em uma outra relação monogâmica com um homem não estão em situação de risco para o HIV.

Monogamia presumida não é o mesmo que monogamia. Há homens que têm relações sexuais com outras pessoas e, ao mesmo tempo, um compromisso “monogâmico”, um  relacionamento com uma mulher . Isso pode colocar a mulher em um dramático aumento de risco para o HIV por ela estar presumindo que práticas de sexo mais seguro não são necessárias.

MITO: as lésbicas não estão em situação de risco  para o HIV

As lésbicas e as mulheres que fazem sexo com mulheres ainda pode contrair o HIV , assim como  outras infecções sexualmente transmissíveis. O risco é menor mas a transmissão é possível. Assim práticas de sexo mais seguro ainda devem ser observadas.

MITO: as mulheres idosas e homens idosos não estão em situação de risco  para o HIV.

Há muitas mulheres idosas e homens idosos que são sexualmente ativos e há aqueles que, sem dúvida, usam drogas injetáveis. Eles podem ser menos propensos a usar preservativos por causa de uma falta de conhecimento ou compreensão, que pode acabar por colocá-los em maior risco, então correm risco da mesma forma independendo, inclusive, da condição de usuários de drogas injetáveis… O simples fato de beber pode afetar o julgamento e levar a um comportamento de risco.

MITO: se uma mulher contrai HIV, ela nunca mais será capaz de estar em um relacionamento ou ter relações sexuais.

Ser HIV positivo pode apresentar desafios adicionais quando se trata de relacionamentos e sexo. Mas não é, de forma alguma, o fim de todas as coisas românticas ou íntimas. A chave é a honestidade, a comunicatividade, que é válida para qualquer relacionamento. Você saberá que encontrou a pessoa certa quando você encontrar a pessoa que compreende e aceita-a com graça e companheirismos, incluindo pessoas do seu mesmo status sorológico.

, Blog Soropositivo. Org
Jenny Block
Por: Jenny Block Fevereiro 11th, 2015       Traduzido do original em 9 Myths About Women and HIV por , Blog Soropositivo. OrgCláudio Santos de Souza em 24 de julho de 2015
Se você é usuário de Natura Compre Conosco

 

Este é um trabalho feito com amor, dedicação, carinho e um 1⃣ senso de responsabilidade! Ele gera custos e despesas! 

Apoie neste link https://www.natura.com.br/?consultoria=claudiosouzaebeleza

E logo abaixo um formulário em que você possa mandar uma mensagem para mim!

Doe R$ 10,00 Doe R$ 50,00 Doe R$ 100,00

 

, Blog Soropositivo. Org
Se você pode e quer, por favor, ajude
, Blog Soropositivo. Org

E não foi dentro de uma “zona temporal de conforto”! Esta é uma história que só eu a tem para contar!

Fui a primeira pessoa física, um CPF, não um CNPJ a, entre aspas, “dar minha cara a tapa”!

Por tudo o que vivi, isso tudo aconteceu em um período ainda conturbado pelo preconceito e, sim, houve preços a serem pagos.

A moeda sempre foi a da exclusão social e cheguei a titubear entre prosseguir ou não!

O grande “IT” de tudo isso é que sem este trabalho nada me restaria, senão o  ócio e com toda a certeza não suportaria. Tenho a necessidade de ser produtivo.

We are Borg!

Se não de tédio pelas horas vazias, ao menos por suicídio pela absoluta falta de propósito que minha vida teria e a terrível impressão de parasitose que viria a me acometer. Assim, eu não pude parar.

Tive a oportunidade de realizar muitas coisas e, na outra mão, perdi diversas oportunidades de fazer mais, com um alcance mais profundo e melhor.

Nem tudo é como se quer. Deixa chover (Guilherme Arantes)!

Enfim, se você tem a possibilidade de apoiar, de financiar, mesmo que minimamente este projeto, eis aqui os fatos:

, Blog Soropositivo. Org
Este é o Único Blog ” Ainda ON LINE” a ter recebido este prêmio e esta consagração. O blog que alcançou o mesmo Status foi o Solidariedaids, de Paulo Giacommini. Infelizmente eu não consigo encontrar o link e a comunicação este eu e ele é muito difícil
  •  
, Blog Soropositivo. Org
Único Blog On Line Tratando deste tema a Ter Recebido Este Prêmio pelo Júri Acadêmico

, Blog Soropositivo. Org

Leitura Recomendada Neste Blog

Oi! Pessoal, obrigado por ter chegado até aqui! Sua atenção e interesse é o nosso maior interesse, trabalhamos aqui, eu e mara, com a finalidade de informar vocês, far alguma clareza em alguns pontos nebulosos de “tudo isso”.

Entretanto, nos faltam recursos financeiros

Se você gosta do trabalho, se tem condições de ajudar e quer ajudar, muitas vezes o custo de uma bobagem do seu dia-a-dia para nós, certamente fará a diferença porque, sabemos, o beija-flor, carregando água na pontinha de seu bico fará toda a diferença no esforço de apagar o incêndio na floresta!

Pense nisso!

Logo abaixo alguns recursos para facilitar o apoio!

Sugestões de leitura

Tem algo a dizer? Diga!!! Este blog é melhor contigo!!!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

A Automattic, o Wordpress e Soropositivo.Org, e eu, fazemos tudo a nosso alcance no que tange à sua privacidade. E estamos sempre aprimorando, melhorando, testando e implementando novas tecnologias de proteção de dados. Seus dados estão protegidos e, eu, Cláudio Souza, trabalho neste blog 18 horas or dia para, dentre tantas outras coisas, garantir a segurança de suas informações, posto que sei das implicações e complicações das publicações aqui passadas e trocadas Eu aceito A Política de Privacidade de Soropositivo.Org Conhecer Nossa Política de Privacidade

Whatsapp WhatsApp Us