SVB VMBRA ALARVM TVARVM

Minha Primeira Pílula: Iniciando o Tratamento HIV pela Primeira Vez

 

Sobre essa série: Fosse o AZT ou o Atripla, década de 1980 ou 2010, uma pessoa que vivia com HIV e estava em tratamento sempre se lembra de sua primeira pílula. E nós queremos ouvi-la. Como você lidou com os efeitos colaterais? Ficou hesitante para iniciar o tratamento? Você teve que fazer algumas dietas ideais? Escreva por extenso sua história (entre 200 e 1000 palavras, por favor!) ou filma um vídeo no You Tube  , e Compartilhe Sua História! Não Tenha medo. Você pode usar um pseudônimo

 Ler histórias enviadas por usuários fazem parte da série abaixo!

Quando o início do tratamento para HIV é um carrossel de pílulas

Parte da série no Brasil

Por Insônia no Brasil

De The Body.com

26 de setembro de 2014

Não há muito tempo comecei a tomar meus medicamentos. Fui diagnosticado no fim de 2008, mas não iniciei meu tratamento até dezembro do ano passado, quando minha contagem CD4 caiu para 300. Como membro ativo de um fórum on-line sobre HIV/AIDS no Brasil bem como, pesquisador biomédico, eu sabia de todos os medicamentos e possíveis efeitos colaterais, nada disso era novo para mim.

 No Brasil, temos os remédios gratuitos, mas sem tantas escolhas quantas em outros países. Então, para começar, tive que atribuir Viread [tenofovir], Epivir [lamivudine,3 TC] e Sustiva[ efavirenz, Stocrin]. Com exceção dos sonhos muito vívidos e náuseas matinais (eu costumava tomá-los todos de uma vez antes de dormir), eu sofria de vômito durante toda a noite (mais tarde, descobri que não deveria ter nada de comer, pelo menos duas horas antes de tomar efavirenz).

No sétimo dia, tomando esses remédios, apareceu uma erupção da pele. Quero dizer, uma ENORME erupção. Meu corpo todo estava tomado disso. Certo dia, tive que cobrir de roupas, [ ir ao ] trabalho e, em seguida, ir ao consultório médico para saber o que aconteceu. Juntos, conseguimos a lavagem dos remédios e então, iniciar outras dietas.

“Experimentei três tratamentos só para constatar que era o Tenofovir que estava me fazendo ficar com bastante urticária pelo corpo”.

Agora eu tomo Combivir [AZT/3TC] e Efavirenz. Aliás, estou tomando ambos há mais de seis meses. Além disso, tenho sonhos bem reais; por isso preciso tomar Clonazepam [Klonopin] antes de ir dormir. Caso contrário, acordo de cinco a sete vezes durante à noite tendo pesadelos horríveis. Logo que tomo o Efavirenz, cerca de 20 a 30 minutos depois, sinto como se estivesse bêbado e drogado. Como se não bastasse, ainda tenho dificuldades para acordar de manhã e por isso tenho que mudar a minha rotina de trabalho. Por outro lado, eu me dei muito bem com o Combivir; apesar de que ele me causa um pouco de dor muscular e cãibras, mas isso não me incomoda tanto. Outra coisa que às vezes sinto por causa do Combivir é um pouco de enjoo (náuseas), mas isso depende do que eu como. “Uma coisa que percebi é que se eu comer direito e na hora certa, não sinto enjoo”.

Meu próximo acompanhamento será em setembro. Espero ser indetectável, e resolverei algumas outras questões tais como, uma ligeira depressão e levantar tarde (creio que seja um conto de efavirenz e clonazepan).

Qual foi sua pílula? Foi AZT ou Atripla, nós queremos contar sua história! Escreva sua história (entre 200 e 1000 palavras, por favor!) ou filma um vídeo no You Tube, e e-mail para

Compartilhe Sua História! Não Tenha medo. Você pode usar um pseudônimo

Nós postaremos Minhas Primeiras Histórias de Pílulas dos leitores aqui no nosso Centro de Recursos no Início do Tratamento do HIV.

Pedido de Ajuda

Olá pessoal, boa noite... ou bom dia, boa tarde.
Eu tenho prestado este serviço de manter as pessoas melhor informadas e, para ser franco, eu não saberia viver sem isso.
Entretanto, eu tenho problemas de ordem material e não posso ir ao supermercado ou a padaria, mostrar meu site e pegar o que eu precisasse para comer e viver, porque o meu benefício foi cortado em 31/12/2009. Eu me viro vendendo produtos de informática no mercado livre, mas este ano foi desastroso para nós
Para ilustrar este site eu uso fotos do http://br.depositphotos.com/ e cada uma delas custa US$ 1,00. Parece pouco, alguns artigos são ilustrados com cinco imagens, às vezes dez. Isso significa que o texto que você leu pode ter custado cerca de R$ 30,00. Enfim, se seu coração te diz que você deve fazer, por favor, faça-o.
Há muitas maneiras para você doar e, lembrem-se:
O pouco, com Deus é muito.
Obrigado

Precisa conversar? É só adicionar um de nós; Beto Volpe Ou Cláudio Souza! enha em mente que eu, Claudio Souza e o Beto Volpe não somos profissionais de saúde e tudo o que fazemos vai pelo espectro da boa vontade e da experiência, mas nada substitui o acompanhamento médico e os exames necessários para diagnosticar efetivamente sua condição sorológica. E isso não é pago. O pedido de doação está ai por estar. Você não será coagido a pagar qualquer coisa ou doar. As imagens estão unidas por uma questão de adequação do layout. E nada mais. Nós não servimos a Mamom

Tenha em mente que eu, Claudio Souza e o Beto Volpe não somos profissionais de saúde e tudo o que fazemos vai pelo espectro da boa vontade e da experiência, mas nada substitui o acompanhamento médico e os exames necessários para diagnosticar efetivamente sua condição sorológica

Ajude-nos a continuar a combater o bom combate!

Faça sua doação via Pay Pal btn_donateCC_LG
Se você não se sente seguro usando seu carttão de crédito na Internet e, mesmo assim quer doar, entre em contato pelo formulário abaixo e enviaremos detalhes. Obrigado

As Dez Mais

Seu retorno é importante. Nós atendemos às solicitações de textos, desde que ligados ao tema central de alguma forma. Faça seu comentário, de sua opnião

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: