Blog Soropositivo. Org

Minha Primeira Pílula: Iniciando o Tratamento HIV pela Primeira Vez

Home / Depoimento de Pessoas Vivendo com HIV / Minha Primeira Pílula: Iniciando o Tratamento HIV pela Primeira Vez
Depoimento de Pessoas Vivendo com HIV

 

Sobre essa série: Fosse o AZT ou o Atripla, década de 1980 ou 2010, uma pessoa que vivia com HIV e estava em tratamento sempre se lembra de sua primeira pílula. E nós queremos ouvi-la. Como você lidou com os efeitos colaterais? Ficou hesitante para iniciar o tratamento? Você teve que fazer algumas dietas ideais? Escreva por extenso sua história (entre 200 e 1000 palavras, por favor!) ou filma um vídeo no You Tube  , e Compartilhe Sua História! Não Tenha medo. Você pode usar um pseudônimo

 Ler histórias enviadas por usuários fazem parte da série abaixo!

Quando o início do tratamento para HIV é um carrossel de pílulas

Parte da série no Brasil

Por Insônia no Brasil

De The Body.com

26 de setembro de 2014

Não há muito tempo comecei a tomar meus medicamentos. Fui diagnosticado no fim de 2008, mas não iniciei meu tratamento até dezembro do ano passado, quando minha contagem CD4 caiu para 300. Como membro ativo de um fórum on-line sobre HIV/AIDS no Brasil bem como, pesquisador biomédico, eu sabia de todos os medicamentos e possíveis efeitos colaterais, nada disso era novo para mim.

 No Brasil, temos os remédios gratuitos, mas sem tantas escolhas quantas em outros países. Então, para começar, tive que atribuir Viread [tenofovir], Epivir [lamivudine,3 TC] e Sustiva[ efavirenz, Stocrin]. Com exceção dos sonhos muito vívidos e náuseas matinais (eu costumava tomá-los todos de uma vez antes de dormir), eu sofria de vômito durante toda a noite (mais tarde, descobri que não deveria ter nada de comer, pelo menos duas horas antes de tomar efavirenz).

No sétimo dia, tomando esses remédios, apareceu uma erupção da pele. Quero dizer, uma ENORME erupção. Meu corpo todo estava tomado disso. Certo dia, tive que cobrir de roupas, [ ir ao ] trabalho e, em seguida, ir ao consultório médico para saber o que aconteceu. Juntos, conseguimos a lavagem dos remédios e então, iniciar outras dietas.

“Experimentei três tratamentos só para constatar que era o Tenofovir que estava me fazendo ficar com bastante urticária pelo corpo”.

Agora eu tomo Combivir [AZT/3TC] e Efavirenz. Aliás, estou tomando ambos há mais de seis meses. Além disso, tenho sonhos bem reais; por isso preciso tomar Clonazepam [Klonopin] antes de ir dormir. Caso contrário, acordo de cinco a sete vezes durante à noite tendo pesadelos horríveis. Logo que tomo o Efavirenz, cerca de 20 a 30 minutos depois, sinto como se estivesse bêbado e drogado. Como se não bastasse, ainda tenho dificuldades para acordar de manhã e por isso tenho que mudar a minha rotina de trabalho. Por outro lado, eu me dei muito bem com o Combivir; apesar de que ele me causa um pouco de dor muscular e cãibras, mas isso não me incomoda tanto. Outra coisa que às vezes sinto por causa do Combivir é um pouco de enjoo (náuseas), mas isso depende do que eu como. “Uma coisa que percebi é que se eu comer direito e na hora certa, não sinto enjoo”.

Meu próximo acompanhamento será em setembro. Espero ser indetectável, e resolverei algumas outras questões tais como, uma ligeira depressão e levantar tarde (creio que seja um conto de efavirenz e clonazepan).

Qual foi sua pílula? Foi AZT ou Atripla, nós queremos contar sua história! Escreva sua história (entre 200 e 1000 palavras, por favor!) ou filma um vídeo no You Tube, e e-mail para

Compartilhe Sua História! Não Tenha medo. Você pode usar um pseudônimo

Nós postaremos Minhas Primeiras Histórias de Pílulas dos leitores aqui no nosso Centro de Recursos no Início do Tratamento do HIV.

Olá Meu nome é Renata Reis. Sou enfermeira e professora da Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto da USP. Desenvolvi um estudo sobre o risco cardiovascular de pessoas com HIV. Após este estudo elaboramos um e-book educativo para prevenção do risco cardiovascular.
 
Segue o link: https://pt.surveymonkey.com/r/SQLQSW8Instagramm. A pesquisa é totalmente sigilosa e você terá acesso ao nosso material educativo. Muito obrigada!
Validação de Material Educativo-
Take this survey powered by surveymonkey.com.
Create your own surveys for free.
 
 

Publicações Relacionadas

Vida com HIV As Lições Que Aprendi.

Cláudio Souza

O momento mais difícil de minha vida – Anônimo

Cláudio Souza

Beto

Cláudio Souza

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Soropositivo.Org, Wordpress.com e Automattic fazem tudo a nosso alcance no que tange à sua privacidade. Você pode saber mais sobre esta política neste link Eu aceito A Política de Privacidade de Soropositivo.Org Ler Tudo em Política de Privacidade

Olá! Sou o Beto Volpe! Quer Conversar? Diga olá! Mas tenha em mente que eu trabalho aqui entre 9:00 da manhã e 20 horas. Você pode deixar a mensagem, mas eu responderei nestes horários. Talvez eu demore, mnas em *SEMPRE RESPONDO*
Olá! Será que você me autorizaria a te avisar quando eu fizesse uma nova publicação ou atualização de um texto? Veja bem, eu não teria a menor ideia a respeito de quem você é! Seria algo anônimo, que me deixaria feliz por sua atenção e interesse. Quando eu fui DJ meu salário era a gritaria! Agora, é seu interesse! E, me perdõem por algum erro ortográfico. Eu sou disléxico e a neuropatia periférica complica ainda mais toda esta coisa. :-(
Dismiss
Allow